2 eventos ao vivo

Com organizadores presos, Brasil x Argentina é cancelado

16 jul 2015
20h01
atualizado às 20h19
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Brasil não vai ter a oportunidade de conquistar pela quarta vez consecutiva o Superclássico das Américas, nome dado ao jogo amistoso disputado contra a seleção argentina desde 2011. Por causa de problemas na Justiça com os donos da Full Play, empresa que detém os direitos de organizar as partidas, a edição 2015 foi cancelada.

No último Superclássico, disputado na China, Brasil venceu por 2 a 0
No último Superclássico, disputado na China, Brasil venceu por 2 a 0
Foto: Ng Han Guan / AP

A informação, dada inicialmente pelo globoesporte.com, foi confirmada ao Terra na noite desta quinta-feira pela CBF. Agora, a Seleção Brasileira deve procurar outro adversário para aproveitar a data do Superclássico e fazer um amistoso no início de setembro.

Os donos da Full Play, os argentinos Hugo e Mariano Jinkis, estão em prisão domiciliar por causa de crimes de corrupção. Eles são investigados pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Base é tratada com prioridade por técnicos em reunião na CBF

O Superclássico das Américas começou com a disputa de dois jogos, um em cada país. Em 2011 e 2012, só atletas que atuavam nos campeonatos nacionais de Argentina e Brasil podiam participar do torneio.

Em 2013, não foi realizado, a pedido do técnico da Seleção Brasileira, Luiz Felipe Scolari. Já em 2014, só houve um confronto entre as equipes: foi na China, e o Brasil venceu por 2 a 0, com dois gols de Diego Tardelli.

 

Fonte: Silvio Alves Barsetti
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade