1 evento ao vivo

Astros da NBA pedem redução no número de jogos por temporada

16 out 2014
15h50

A quantidade de jogos na temporada regular da NBA é o novo alvo de reclamações por parte de alguns astros da liga. LeBron James, do Cleveland Cavaliers, e Dirk Nowitzki, do Dallas Mavericks, aproveitaram os microfones da mídia em jogos da pré-temporada nesta semana para pedir aos organizadores do torneio para diminuir o número de partidas, que atualmente é de 82 - isso sem contar os playoffs.

O tema veio à tona depois que a liga profissional americana de basquete anunciou que fará um teste neste domingo, na partida entre Boston Celtics e Brooklin Nets. O duelo terá 44 minutos de duração (quatro tempos de 11 minutos), ao invés de 48 (quatro períodos de 12).

Para LeBron, a questão central não é reduzir o tempo das partidas, mas sim o número de jogos ao longo do ano.

- Os minutos não significam muita coisa. Podemos jogar 50 minutos por partida se precisarmos. Uma vez que você está na quadra, não importa se você joga 22 ou 40 minutos - falou o ala.

O discurso foi corroborado por Nowitzki. O pivô alemão disse que 82 jogos em uma temporada são um exagero.

- Eu acho que não são necessárias 82 partidas para determinar os oito melhores times de cada conferência. Isso pode ser definido mais rapidamente - falou o jogador do Mavericks.

LeBron e Nowitzki, porém, sabem que esta disputa está apenas começando, e pode nem ter um final feliz. Se por um lado eles buscam o encolhimento da temporada para diminuir o número de lesões dos jogadores, por outro lado os craques reconhecem que uma provável redução em seus salários e nos ganhos da NBA podem dificultar as negociações.

- Menos jogos resultam em menos ingressos vendidos. Mas no fim do dia, queremos proteger o prêmio, e o prêmio são os jogadores. Se os atletas se machucam devido ao alto número de jogos, então não poderemos promover tudo isso em um alto nível - falou LeBron.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade