2 eventos ao vivo

Atlético-GO arranca empate do Boa, mas cai para o Z4

22 ago 2015
19h27
  • separator
  • 0
  • comentários

O confronto entre Boa Esporte e Atlético-GO, neste sábado, em Varginha, terminou no empate por 2 a 2. Apesar da vantagem dos anfitriões durante grande parte do jogo, o Dragão conseguiu o empate e se mantém a sete jogos sem perder na Série B do Campeonato Brasileiro. Mas o resultado não foi o suficiente para segurar a equipe longe da zona de rebaixamento, caindo da 15ª para a 17ª posição. O Boa, por sua vez, subiu três posições e foi para o 13º lugar.

A partida iniciou equilibrada, com os dois times criando boas oportunidades. Os três primeiros gols do confronto saíram num intervalo de apenas cinco minutos, com os anfitriões abrindo o placar aos 28, com Felipe Alves. Arthur igualou aos 31 e Tadeu virou dois minutos depois. Mas o Boa diminuiu o ritmo e se deixou dominar pelo Atlético-GO durante todo o segundo tempo. Com a pressão, os visitantes arrancaram o empate aos 37 minutos, mais uma vez com gol de Arthur.

O jogo - O Dragão iniciou a partida no ataque, com Pedro Bambu avançando pela esquerda e perdendo o controle da bola em seguida. Arthur também seguiu o exemplo do companheiro e, aos 9 minutos, aproveitou uma sobra de um cruzamento na área para tentar abrir os marcadores, mas mandou a bola pela linha de fundo. Apesar do domínio inicial dos visitantes, o Boa decidiu entrar na partida após os dez primeiros minutos. Com uma jogada mal executada de Tadeu, que mandou a bola nas mãos do goleiro Marcos, os anfitriões foram ganhando confiança.

Foi aos 28, no entanto, que o Boa anotou o primeiro gol em Varginha. Destaque do time, Chapinha cruzou da linha de fundo e Felipe Alves cabeceou direto para o fundo das redes. Em aparente equilíbrio, as equipes mostraram boas recuperações de bola e promoveram um duelo apertado nos minutos seguintes. Tanto que, aos 31, Arthur igualou tudo em cobrança de falta, deixando o placar em 1 a 1. Mas a sequência foi favorável ao Boa, com gol de Tadeu aos 33. O jogador recebeu de Filipe Alves pela esquerda e deixou os anfitriões na vantagem.

Depois de uma queda de ritmo no fim do primeiro tempo, a segunda etapa mostrou um Atlético-GO mais atento em campo. Rafael tentou cabecear, mas desviou a bola para longe do gol de Andrey. Pedro Bambu, por sua vez, arriscou um chute de longe e errou por pouco. A equipe continuou pressionando, mas o arqueiro rival realizou duas grandes defesas seguidas: primeiro tirou uma bola aérea de Viçosa para depois dar o corte no rebote do lance.

Por fim, aos 37 minutos Arthur recebe um cruzamento e novamente iguala o placar em Varginha. Nos minutos finais o Boa criou as duas únicas oportunidades do segundo tempo e mostrou boas jogadas de Clébson e Alê, mas a reação foi tardia.

FICHA TÉCNICA

BOA ESPORTE 2 X 2 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG)

Data: 22 de agosto de 2015, sábado

Horário: 16h30 (de Brasília)

Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)

Assistentes: Francisco Chaves Bezerra Junior (PE) e Bruno César Chaves Vieira (PE)

Público: 921 pessoas

Renda: R$ 8005,00

Cartões Amarelos: Jorginho, Pedro Bambu e Arthur (Atlético-GO)

Gols

BOA ESPORTE: Felipe Alves, aos 28, e Tadeu, aos 33 minutos do primeiro tempo

ATLÉTICO-GO: Arthur, aos 31 minutos do primeiro tempo, e aos 37 do segundo.

BOA ESPORTE: Andrey; Moacir, Raphel Silva, Wallace e Pirão; Gabriel Dias, Alê, Chapinha (Léo Baiano) e Clébson; Felipe Alves (Bruno Felipe) e Tadeu

Técnico: Nedo Xavier

ATLÉTICO-GO: Marcos; Bruno Moura, Rafael, Samuel e Danilo Tarracha; Feijão (Geraldo), Pedro Bambu, Jorginho e Willie (Washington); Arthur e Júnior Viçosa (Wéverton Gomes)

Técnico: Gilberto Pereira

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade