0

Luxemburgo destaca vantagem adquirida pelo Atlético-MG

17 abr 2010
21h57
atualizado às 22h15

O Atlético-MG se aproveitou do regulamento e avançou para a final do Campeonato Mineiro. Com o empate por 0 a 0 com o Democrata, neste sábado, no Mineirão, o time assegurou seu lugar na decisão, já que havia vencido o primeiro jogo por 2 a 1 - revertendo a vantagem que era do adversário, que teve melhor campanha na primeira fase do Estadual.

Satisfeito com a classificação, o técnico Vanderlei Luxemburgo destacou o triunfo conquistado na partida de ida da semifinal, que foi determinante para a classificação da equipe atleticana.

"Nós iniciamos essa etapa desclassificados, porque se empatássemos os dois jogos estaríamos fora e passaria o Democrata. Então conseguimos reverter a situação no primeiro jogo, onde poderíamos ter saído numa condição melhor. Saímos com a vantagem e hoje (sábado) jogamos sem dar oportunidade para o adversário", afirmou.

Para o treinador, a equipe se comportou bem, não deu chance para o Democrata e teve oportunidades de vencer a partida. "Não me lembro do Aranha (goleiro) ter feito nenhuma defesa. Tivemos chances de matar o jogo no primeiro tempo, com bola na trave e velocidade de contragolpe. A proposta foi muito boa, jogamos contra uma equipe difícil. Quero dar os parabéns aos meus jogadores porque jogar campeonato é assim. O time foi para dentro do adversário, estamos no caminho certo".

Luxemburgo também elogiou o adversário, que fez boa campanha na competição e criou dificuldades para o Atlético. "Quero dar os meus parabéns ao Democrata, uma equipe treinada, com jogadores técnicos, que não apelam para a violência para jogar futebol. Está de parabéns o Moacir (Júnior, técnico do Democrata) pela postura da equipe dele".

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade