PUBLICIDADE
Logo do

Athletico Paranaense

Meu time

Obra da Arena da Baixada tem novo valor divulgado e fica 23% mais cara

26 nov 2013 01h56
| atualizado às 07h59
ver comentários
Publicidade

Nesta segunda-feira, o Comitê Organizador Local (COL) divulgou uma nova atualização nos valores dos estádios para a Copa do Mundo de 2014. Sede em Curitiba, a Arena da Baixada teve um aumento e terá um custo R$ 326,7 milhões.

O balanço, que foi divulgado no site do governo federal, acarreta em um acréscimo de 23% em relação ao último valor divulgado – R$ 265,2 milhões. Originalmente, a praça esportiva apresentou um projeto para ser o palco na subsede da capital com o valor de R$ 184,6 milhões. Assim, o aumento total já chega a 77%.

<a data-cke-saved-href="http://esportes.terra.com.br/infograficos/selecoes-copa-2014/" href="http://esportes.terra.com.br/infograficos/selecoes-copa-2014/">Copa do Mundo de 2014</a>

A diferença cresceu devido aos impostos não acrescidos no orçamento anterior, somados ao valor das desapropriações no entorno da Arena da Baixada. No valor de R$ 14,2 milhões, elas foram bancadas pela prefeitura de Curitiba, e o clube tem até o fim de 2014 para devolver aos cofres públicos.

Com pouco menos de 200 dias para o início do Mundial, o estádio do Atlético-PR está com 83% da reforma concluída, conforme foi divulgado no final de outubro. A previsão para a entrega é no final de dezembro.

Estádio preocupa a Fifa

Apesar dos números apontados pelo clube de que a Arena da Baixada está “próxima” do final, o fato de ter apenas 35 dias para instalar todos os assentos (iniciaram há uma semana) e colocar o gramado, além de acabamentos na fachada, assusta a Fifa.

O evento-teste está marcado para o dia 26 de janeiro, quando funcionários da obra entram em campo para disputar uma partida com capacidade liberada para 10 mil pessoas. A possibilidade de que o jogo ocorra sem as obras concluídas é grande.

Fonte: PGTM Comunicação - Especial para o Terra PGTM Comunicação - Especial para o Terra
Publicidade
Publicidade