1 evento ao vivo

Times italianos estão de olho no atacante Marcelo

Olheiros de times italianos estiveram na Arena para observar a revelação da Série A de 2013

27 nov 2014
19h38
atualizado às 19h41
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>Com 22 anos, Marcelo teve uma temporada discreta em 2014</p>
Com 22 anos, Marcelo teve uma temporada discreta em 2014
Foto: Heuler Andrey / Getty Images

Após vender o zagueiro Manoel para o Cruzeiro e o atacante Douglas Coutinho há uma semana para um grupo de investidores, o Atlético-PR tende a negociar também a revelação da Série A do ano passado, Marcelo. O jogador de 22 anos está sendo observado por times europeus, principalmente da Itália.

Milan, Torino, Sassuolo e Verona, além do Lille-FRA, enviaram olheiros para o jogo do time paranaense contra o Santos, no empate por 1 a 1, na Arena da Baixada, há duas rodadas. O Napoli, apesar de não enviar representante, também monitora os passos do atleta. De acordo com o site Calciomercato, as propostas em cima do camisa 7 só devem ser formalizadas durante a janela de inverno, a partir de janeiro. No Brasil, o Corinthians foi o único que chegou a apresentar algo concreto.

Durante a parada da Copa do Mundo, o clube paulista ofereceu 5 milhões de euros por 50% dos direitos econômicos. Apesar da diretoria rubro-negra ter aceitado na época, a forma de pagamento barrou a negociação por ser pretendida através de parcelamento, enquanto o presidente Mario Celso Petraglia queria à vista. Com contrato até dezembro de 2016, Marcelo pode assinar pré-contrato com qualquer time daqui um ano. Até por isso, o Atlético-PR busca vendê-lo no início do ano que vem, evitando o perigo de sair de graça. O Cruzeiro, atual bicampeão brasileiro, já chegou a fazer uma sondagem sobre o jogador.

Atual capitão da equipe comandada por Claudinei Oliveira, Marcelo realizou 38 jogos entre Copa Libertadores, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro, marcando cinco gols e dando cinco assistências. Em 2013, com um jogo a mais, o camisa 7 fez nove gols e deu sete assistências, sendo o destaque da equipe que ficou em 3º na Série A e chegou à final da Copa do Brasil.

Fonte: PGTM Comunicação - Especial para o Terra PGTM Comunicação - Especial para o Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade