0

Barrichello anuncia contrato para disputar a Indy em 2012

1 mar 2012
11h58
atualizado às 18h04
Henrique Moretti
Direto de São Paulo

O brasileiro Rubens Barrichello anunciou, nesta quinta-feira, que vai disputar a temporada de 2012 na Fórmula Indy pela equipe KV Racing, na qual realizou testes de pré-temporada. Pouco antes da entrevista coletiva foi realizada em São Paulo, o pai do piloto, Rubão Barrichello, já havia confirmado o fato.

» Rubens Barrichello: de A a Z
» Quiz: teste seus conhecimentos sobre a história dos pilotos brasileiros

"Depois de receber o convite da KV Racing, tive que correr em casa", brincou o novo piloto da Indy. O brasileiro, inclusive, disputará as cinco provas ovais previstas no calendário, contornando o fato de que nunca disputaria corridas neste tipo de circuito, promessa feita para Silvana, sua mulher.

"A situação da Silvana era realmente verdade. Eu tinha prometido para ela, tinha planejado correr 25 anos de F1 e depois parar. Nunca imaginei correr em um oval. Muitas vezes juntos assistindo à corrida do Tony ou Felipe Giaffone ela me perguntou: 'você nunca vai fazer isso né?' E eu disse: 'não, fica tranquila'. Foi aí que surgiu a promessa e é a ela que eu tenho que agradecer", explicou.

Com a confirmação, Barrichello substitui o japonês Takuma Sato, outro ex-Fórmula 1, que correu em 2011 ao lado de Tony Kanaan e do venezuelano Ernesto José Viso. Kanaan segue no time, agora correndo ao lado do compatriota, assim como Viso. Sato foi para a Rahal-Letterman.

O acerto já era esperado desde a segunda-feira, quando a conta da KV Racing no Twitter anunciou que tinha um importante comunicado a fazer a respeito de seus pilotos. Na ocasião, porém, o time apenas oficializou ao público a permanência de E.J. Viso no time por mais uma temporada, deixando a comunicação sobre Rubinho para a coletiva desta quinta-feira.

Após perder a vaga na Williams para o compatriota Bruno Senna, Barrichello encerrou uma trajetória de 19 temporadas na Fórmula 1, entre 1993 e 2011. Neste período, ele correu por Jordan, Stewart, Ferrari, Honda, Brawn e Williams, conquistando 11 vitórias e alcançando o vice-campeonato em duas ocasiões (2002 e 2004).

Nesta quinta, Rubinho se tornou o terceiro brasileiro confirmado na Fórmula Indy em 2012. Além de Kanaan na KV Racing, Helio Castroneves permanece na Penske. Vitor Meira deixou a AJ Foyt, e Bia Figueiredo ainda não tem o futuro definido.

Barrichello aproveitou a entrevista desta quinta para apresentar a imagem do carro no qual competirá em 2012, com a cor azul. Ele vestiu inclusive o macacão que usará durante a temporada, da mesma cor. Seu capacete manterá o desenho em vermelho, azul e branco, como era na época da F1.

Na Indy, o brasileiro competirá com o número oito. O 11, o seu preferido, já tinha dono: era justamente de Tony Kanaan. "Tentei comprar, mas não deu certo", brincou Rubinho durante a coletiva, na qual foi acompanhado pelo piloto baiano e pelos chefes da KV (Jimmy Vasser e Kevin Kalkhoven).

Kanaan, que foi campeão da categoria em 2004, mantém grande relacionamento com o compatriota, o qual costuma chamar de "irmão", e anunciou nesta quinta a renovação do contrato com a KV até 2013 - já Barrichello assinou até o fim desta temporada.

Anúncio foi feito nesta segunda-feira, em coletiva realizada na capital paulista
Anúncio foi feito nesta segunda-feira, em coletiva realizada na capital paulista
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade