publicidade
11 de março de 2013 • 09h34

Emocionado, Emerson lembra indignação do pai com fim de Jacarepaguá

Wilson Fittipaldi narrou primeiro título mundial de Emerson
Foto: Reprodução/Instagram
 

Com a voz embargada, Emerson Fittipaldi destacou o pai como um “guerreiro” e um “vencedor” na manhã desta segunda-feira, em entrevista à rádio Jovem Pan. Wilson Fittipaldi, conhecido como "barão" e patriarca da família Fittipaldi, morreu na última madrugada, aos 92 anos. Ele foi internado no hospital Copa D'Or, no Rio de Janeiro, em 25 de fevereiro, com problemas respiratórios.

Segundo Emerson, o pai já sofria com problemas respiratórios há algum tempo e também por isso se mudou para o Rio de Janeiro “sete ou oito anos atrás”. “Nos últimos meses estávamos tentando levá-lo de volta para São Paulo para ficar mais perto da família, mas ele dizia: ‘não saio do Rio, quero ter meus últimos dias aqui’”, disse o ex-piloto da Lotus e da McLaren.

De acordo com o filho, Wilson “estava muito consciente e conseguiu manter ideias claras até os últimos momentos”. Emerson ainda lembrou uma crítica recente do pai, feita durante uma homenagem preparada pela Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) em setembro passado. “Pediram algumas palavras, e ele pegou o microfone e falou: ‘estamos muito aborrecidos porque estão destruindo o autódromo do Rio e tem que fazer um novo. Quando vamos ter um autódromo aqui?’. Ele passou a vida inteira falando de automobilismo”, disse Emerson. O Parque Olímpico dos Jogos de 2016 está sendo construído onde era localizado o Circuito de Jacarepaguá.

Wilson trabalhou durante décadas na rádio Panamericana (atual Jovem Pan). Apaixonado por corridas de carros e motos desde muito jovem, ele narrou a prova do primeiro título mundial de Emerson na Fórmula 1, em 1972, e foi também fundador da CBA. O velório do patriarca da família Fittipaldi será realizado no fim desta tarde, no Cemitério da Paz, no Morumbi, zona sul de São Paulo. O enterro está marcado para o mesmo local, por volta das 14h (de Brasília) desta terça-feira.

Terra