1 evento ao vivo

Em 2012, Castroneves admite tentar trocar Indy por turismo

8 set 2010
14h43

Hélio Castroneves permanecerá na Fórmula Indy em 2011, mas seu futuro depois disso é incerto. Em entrevista ao Terra TV nesta quarta-feira, o brasileiro da Penske disse não fechar as portas para outras categorias, e até vislumbrou a possibilidade de disputar provas em carros de turismo a partir de 2012.

"Ano que vem, ainda não. É lógico que a gente nunca deve dizer nunca. Estou sempre com as portas abertas para experiências novas", disse Castroneves, que quer antes se manter concentrado nos objetivos traçados para 2010 e 2011 com o time de Roger Penske.

"Ainda tenho contrato com a equipe no ano que vem. Por isso, ainda vou buscar uma campeonato que almejo muito e uma quarta (vitória) em Indianápolis, igualando grandes campeões. Sem dúvida, isso é meu objetivo, meu sonho desde moleque", completou o brasileiro, vencedor da Indy 500 em 2001, 2002 e 2009.

Hélio Castroneves ainda prevê a possibilidade de correr na Nascar depois de deixar a Indy. Para isso, pode usar a experiência que acumulou nas Mil Milhas Brasil de 2006, quando venceu a prova de longa duração em um Aston Martin DBR9 dividindo a direção com Nelson Piquet, Nelsinho Piquet e com o francês Christophe Bouchut.

Antes disso, porém, Helinho terá novo teste. "No fim do ano, em outubro, vou experimentar um Stock Car na Austrália, justamente em um teste para ver como são carros de turismo. Minha experiência é muito pouca. Corri as Mil Milhas no Brasil com o Nelson Piquet, com o Nelsinho Piquet, e foi uma experiência que eu gostei", completou.

Brasileiro da Penske vai testar Stock Car na Austrália, mas ainda quer nova 500 Milhas de Indianápolis
Brasileiro da Penske vai testar Stock Car na Austrália, mas ainda quer nova 500 Milhas de Indianápolis
Foto: Reuters
Fonte: Redação Terra
publicidade