1 evento ao vivo

Kanaan pode deixar Andretti Autosport por falta de patrocínio

5 out 2010
10h42
atualizado às 11h47

O piloto Tony Kanaan poderá iniciar o próximo ano sem um emprego fixo na Fórmula Indy. Isso porque a sua permanência na Andretti Autosport para a temporada 2011 poderá ser vetada por conta da perda de um importante patrocínio por parte da equipe específica do brasileiro.

Kanaan pode deixar equipe por falta de patrocínio
Kanaan pode deixar equipe por falta de patrocínio
Foto: AP

A equipe declarou oficialmente que quer manter o piloto caso consiga uma nova marca para estampar o carro de Tony. Em contrapartida, o deixou totalmente liberado para procurar uma nova agremiação para se juntar a partir da próxima temporada.

Chefe de marketing e vice-presidente sênior da Andretti, John Lopes afirmou que o time não medirá esforços para manter o brasileiro no time. "Nosso objetivo é tê-lo na nossa formação em 2011 e estamos trabalhando duro para transformar isso em realidade", contou.

Lopes agradeceu, ainda, a 7-Eleven, marca de lojas de conveniência que deixou a Andretti Autosport com o final da temporada 2010, vencida por Dario Franchitti, da Chip Ganassi.

"Confirmamos hoje que a 7-Eleven não irá retornar como principal patrocinadora do carro #11 na próxima temporada. Agradecemos por todos os anos de parceria e estamos orgulhosos de tudo que conquistamos juntos", afirmou.

Desde 2003 com o carro 11 da Andretti Autosport (que à época se chamava Andretti Green), Kanaan conquistou 14 vitórias e um título da F-Indy, na temporada 2004. Em 2010, ele foi o piloto mais bem colocado da equipe, ficando em sexto na classificação geral - à frente dos companheiros Ryan Hunter-Reay, Marco Andretti e Danica Patrick.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade