1 evento ao vivo

"Traçado de Motegi tem o formato de um ovo", diz Meira

17 set 2010
13h50
atualizado às 14h41

Preparando-se para disputar a 16ª etapa da Fórmula Indy, a penúltima do calendário, o brasileiro Vitor Meira, da equipe AJ Foyt, analisou o traçado do circuito de Motegi e o acho um pouco estranho.

"Tem o formato de um ovo. As curvas 1 e 2 são mais abertas. Já nas 3 e 4 o piloto tem mais trabalho, ali tem um freada forte, é um trecho complicado e que determina o seu desempenho na volta inteira. Se você for bem ali, a volta toda vai ser boa. O segredo é esse, ter o carro eficiente naquele trecho", disse o piloto, 33 anos.

Em 12º na classificação, o brasileiro se mantém cauteloso com as suas chances na etapa japonesa, pois a equipe fez uma série de mudanças no carro. "A gente acha que são positivas, mas sinceramente não sei o que dá para esperar para essa corrida. Imagino que tenha tudo para ser bom para nós, mas é algo que só dá para falar depois dos treinos", afirmou.

O líder da Fórmula Indy é o australiano Will Power, da Penske, com 552 pontos. O escocês Dario Franchitti aparece em seguida, com 535.

Piloto estranha traçado da próxima etapa da Indy e se diz cauteloso com suas chances na prova japonesa
Piloto estranha traçado da próxima etapa da Indy e se diz cauteloso com suas chances na prova japonesa
Foto: Ron McQueeney/IRL / Divulgação
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade