Massa passa por cirurgia para retirar fragmento de osso do rosto

25 de julho de 2009 • 13h03 • atualizado às 20h54
Massa sofre acidente e terá de passar por cirurgia  Foto: AP
Massa sofre acidente e terá de passar por cirurgia
25 de julho de 2009
Foto: AP

O brasileiro Felipe Massa, que sofreu um acidente durante o treino classificatório para o GP da Hungria de Fórmula 1 neste sábado, passou por uma cirurgia para a retirada de um fragmento de osso do rosto.

Segundo nota divulgada por sua equipe, a Ferrari, Massa se mantém em estado estável e ficará sob observação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Militar de Budapeste. O piloto também sofreu um corte de 8 cm no supercílio e está com concussão.

Massa guiava na segunda sessão do treino quando uma peça atingiu o capacete e o deixou desacordado a mais de 200 km/h. Massa sofreu um corte de 8 cm no rosto e foi levado de helicóptero para o hospital. Massa ficará de fora da prova de amanhã.

Imagens da televisão mostram que, antes da curva, um objeto semelhante a uma porca atinge o capacete do piloto - a peça seria do carro do também brasileiro Rubens Barrichello. Com o piloto desacordado, o carro não fez a curva e foi de encontro à proteção de pneus.

Depois da batida, o brasileiro ficou no cockpit sem se mexer por alguns minutos antes que duas ambulâncias aparecessem para ajudá-lo. Com o auxílio dos médicos de plantão, Massa foi retirado do carro e levado de ambulância para o centro médico do autódromo. Mais tarde, o brasileiro foi removido de helicóptero para um hospital.

Barrichello, piloto da Brawn GP, conseguiu entrar no ambulatório antes de Massa ser levado do circuito. Rubinho disse que Massa estava acordado, muito eufórico e precisou tomar um calmante. Barrichello relatou ainda que o amigo tinha um corte no rosto.

O acidente deixou muito nervosos todos os que acompanhavam o treino. A terceira sessão, inclusive, foi adiada pela organização até que notícias do estado de saúde de Massa acalmassem os ânimos. O espanhol Fernando Alonso, da Renault, fez a pole-position.

Veja na íntegra a nota divulgada pela Ferrari:

Depois do acidente no treino de classificação para o GP da Hungria, Felipe Massa foi levado de helicóptero para o Hospital Militar de Budapeste. Felipe está consciente desde a chegada ao hospital e as suas condições gerais se mantêm estáveis. Depois de um exame completo, foram constatados um corte na cabeça; um osso fissurado e uma concussão. Sob essas condições, ele precisou ser operado e será mantido sob observação na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Redação Terra
 
Enviar para amigos
Fechar por:
Enviar para amigos
Fechar por:

Imprimir

Fechar
Mais vistos

Notícias

  1. Carregando...
leia mais notícias »