0

Boullier reconhece bons resultados da Lotus, mas quer vitória

22 mai 2012
14h35
atualizado às 15h27

Os dois pódios que a Lotus conseguiu na temporada 2012 ainda não deixaram o chefe da equipe, Eric Boullier, satisfeito. Isso porque a equipe do finlandês Kimi Raikkonen e do franco-suíço Romain Grosjean ainda não venceu em um ano que já teve cinco times diferentes no lugar mais alto do pódio após cinco etapas.

A equipe de Enstone conseguiu colocar Raikkonen e Grosjean no pódio no GP do Bahrein, respectivamente atrás do vencedor Sebastian Vettel. Em Barcelona, o finlandês ficou em terceiro.

"Depois das primeiras corridas difíceis, onde nosso ritmo de prova não se converteu em resultados na bandeira quadriculada, é verdade que tivemos dois resultados fortes. Se continuarmos a marcar pontos desta forma, talvez precisaremos rever nossas expectativas", declarou Boullier.

Todavia, em vista do equilíbrio na temporada 2012 da Fórmula 1, os resultados devem ser exaltados, haja vista que grande parte das escuderias vive um momento de inconstância. "Nada fica estagnado na Fórmula 1 e seria tolo subestimar a concorrência", comentou.

"Tivemos dois bons resultados, sim, mas ainda não vencemos. As coisas mudam muito rapidamente, então não descansaremos sem nosso sucesso", afirmou o dirigente.

O próximo desafio da Lotus em busca da vitória será no Grande Prêmio de Mônaco. "Historicamente, as equipes de Enstone mostraram bom ritmo em Mônaco, mas, no ano passado, nosso carro não era forte em curvas de baixa velocidade. Então, talvez tenhamos trabalho a fazer. Já em termos de pilotos e equipe, estamos prontos para vencer", analisou Eric Boullier.

O chefe da Lotus também mostrou total confiança em seus representantes dentro das pistas, que seguem em evolução e cada vez mais adaptados à principal categoria do automobilismo.

"Ambos nossos pilotos estão melhorando em cada corrida, já que os dois ficaram de fora da F1 por dois anos. Vimos o quão bom eles são com seus resultados, mas eles ainda não param de melhorar", elogiou por fim.

Raikkonen já subiu duas vezes ao pódio no seu ano de retorno à Fórmula 1
Raikkonen já subiu duas vezes ao pódio no seu ano de retorno à Fórmula 1
Foto: Getty Images
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade
publicidade