0

Bruno Senna faz balanço positivo de testes da Williams em Mugello

10 mai 2012
14h14
atualizado às 15h42

Apesar de não ser uma pista parecida com as demais do calendário da Fórmula 1, o brasileiro Bruno Senna, da Williams, acredita que os testes em Mugello, na Itália, foram válidos para a equipe testar e descobrir, principalmente, coisas que não dariam certo, e ver qual direção tomar para o resto da temporada.

"Sempre vale a pena testar. É o tempo que você tem para testar as coisas que você está experimentando na fábrica", exaltou Senna, que analisou os trabalhos feitos na Itália.

"Aprendemos bastante sobre a direção que a gente vai tomar. Com certeza, a gente não testou todas as partes novas do carro ao mesmo tempo, então a gente não sabe qual que é o efeito acumulativo das partes. Mas sabemos que tem uma coisa ou outra vindo para o carro pra cá (em Barcelona, na Espanha, onde será disputada a próxima etapa da Fórmula 1 neste final de semana), tudo é coisa pequena, mas tudo que é pequeno vai acumulando e ajuda. Então, esperamos que o que a gente está trazendo como um pacote funcione bem junto e aí a gente consiga ganhar um pouquinho de tempo e conservar os pneus melhores, que vai ser o fator mais importante aqui", disse.

O brasileiro também fez pequenas análises sobre o circuito de Mugello e a boa performance da Lotus durante a semana de trabalhos na Itália.

"Mugello é uma pista que não é um grande indicador de performance geral dos carros porque é uma pista que tem a velocidade média muito alta, não tem curva de baixa velocidade, a pista com uma energia altíssima nos pneus, então, os carros que têm melhor performance aerodinâmica de alta velocidade são os carros que vão ser mais rápidos lá", afirmou o brasileiro.

"A Lotus tem uma performance muito boa de média e alta velocidade e, honestamente, o carro deles é forte, acho que eles têm uma boa chance de estarem bem posicionados aqui (Barcelona), mas é difícil de enxergar exatamente a posição das equipes por Mugello", encerrou o piloto.

Brasileiro acha que os testes na Itália foram válidos para a evolução da equipe
Brasileiro acha que os testes na Itália foram válidos para a evolução da equipe
Foto: AP
Fonte: Lancepress!

compartilhe

publicidade
publicidade