0

FIA exige que mudanças nos pneus considerem a segurança

20 mai 2013
07h25
atualizado às 09h49
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>FIA prioriza seguran&ccedil;a como exig&ecirc;ncia em novos pneus</p>
FIA prioriza segurança como exigência em novos pneus
Foto: Reuters

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA), com base no regulamento técnico da Fórmula 1, pediu à empresa italiana Pirelli que limite ao estritamente necessário, "por razões de segurança", as mudanças programadas para os pneus a partir do Grande Prêmio do Canadá, no dia 9 de junho.

Sob pressão de várias escuderias, como a Red Bull Racing, que conquistou os três últimos títulos mundiais, a Pirelli anunciou na semana passada que os pneus seriam modificados a partir do GP do Canadá.

O objetivo, segundo a empresa, é "combinar a duração dos pneus de 2012 com o nível de competitividade dos pneus de 2013" e reduzir o número de paradas durante um GP.

O anúncio provocou uma violenta reação da Ferrari e da Lotus, que usam menos pneus que os carros da Red Bull, o que permitiu que estas escuderias vencessem três das cinco primeiras corridas de 2013.

"É como se mudassem o tamanho das balizas no futebol durante uma temporada porque algumas equipes não conseguem acertar os chutes no gol", disse Eric Boullier, diretor da Lotus F1, ao francês Canal Plus.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade