3 eventos ao vivo

Hamilton destaca bom início, mas cobra evolução no carro da Mercedes

17 mar 2013
08h52
atualizado às 10h12
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Terceiro colocado no grid de largada do Grande Prêmio da Austrália, Lewis Hamilton não teve o mesmo ritmo na prova deste domingo e terminou na quinta colocação. Apesar de comemorar o bom resultado em sua primeira prova pela Mercedes, o inglês cobra evolução do carro para poder competir mais na parte de cima da classificação.

"Estou feliz com nosso resultado. Foi muito melhor do que esperávamos para nossa primeira corrida da temporada, um bom começo. O carro se comportou muito bem, tive um primeiro trecho mais longo e fui capaz de continuar com os mesmos pneus por mais tempo do que a maioria", analisa o britânico.

Apesar disso, o seu modelo W04 passou a andar em ritmo mais lento que Lotus, Ferrari e Red Bull, equipes que dominaram as primeiras posições da prova australiana. Lamentando o fato, Hamilton projeta que irá se reunir com a Mercedes para descobrir o motivo da diferença e promover mudanças em seu carro.

"Não sei em que momento começamos a perder terreno para os carros mais à frente, temos que analisar a prova novamente para podermos entender melhor a situação. O carro estava muito bom, mas não sei por que os outros foram se afastando tão rapidamente", diz Hamilton, não se esquecendo de elogiar o trabalho e a convivência em sua nova equipe.

"O importante é que temos um carro com bom potencial e isso graças à equipe que fez um ótimo trabalho até hoje. Agradeço a todos que estão aqui ou na fábrica pelo carinho e apoio durante este meu primeiro GP com a Mercedes. Agora, temos que esperar a Malásia na próxima semana para tentarmos melhorar nossa performance ainda mais", conclui.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade