0

Hamilton, Rosberg e Vettel manifestam preocupação com Bianchi

5 out 2014
07h41

O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) subiu ao pódio do Grande Prêmio do Japão ao lado dos alemães Nico Rosberg, seu companheiro de equipe, e Sebastian Vettel (Red Bull). O trio comemorou de forma tímida neste domingo, já que todos ficaram preocupados com o estado do francês Jules Bianchi (Marussia).

O piloto colidiu com o guindaste que estava removendo o carro do alemão Adrian Sutil (Sauber), acidentado pouco antes, na mesma curva 7. Inconsciente, Bianchi foi removido por uma ambulância direto para o hospital.

"Não é legal ouvir que um dos nossos colegas está seriamente ferido, então essa é a principal preocupação. O carro estava muito danificado do lado direito. Esperamos que ele fique bem. No molhado, é sempre difícil. Mas não estava tão complicado quanto em outras provas. Em Silverstone 2008 havia mais água", disse Hamilton.

Rosberg também lamentou o acidente sofrido por Bianchi. "Não estou pensando na corrida, mas sim no meu colega. Fiquei desapontado por terminar em segundo, mas não estou pensando nisso. Recebi algumas informações e parece muito, muito sério", declarou o piloto da Mercedes, acompanhado por Vettel."Tudo que aconteceu na corrida hoje é secundário. Um de nós está em uma situação ruim e ainda não sabemos o seu estado. O Jules sofreu um grave acidente e esperamos receber boas notícias em breve. É terrível não saber o que está acontecendo. Acho que todos os pilotos sentem muito por ele", afirmou.

Diante do acidente de Bianchi, a organização resolveu encerrar a corrida na 47ª das 53 voltas previstas. Com a vitória, Lewis Hamilton chegou aos 266 pontos ganhos e abriu 10 de vantagem em relação a Nico Rosberg. O Grande Prêmio da Rússia, próxima etapa do campeonato, será realizado no domingo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade