publicidade
08 de maio de 2012 • 15h13 • atualizado às 16h48

Jacques Villeneuve presta homenagem ao pai pilotando Ferrari de 1979

Jacques Villeneuve guiou Ferrari do pai, por homenagem a sua morte
Foto: EFE
 

O canadense Jacques Villeneuve, campeão do mundo de Fórmula 1 em 1997, rendeu nesta terça-feira uma homenagem ao pai, morto em acidente há exatos 30 anos, pilotando no circuito de Fiorano, na Itália, a Ferrari modelo 312 T4 utilizada por Gilles Villeneuve na temporada 1979.

Villeneuve deu várias voltas na pista para lembrar o pai, morto em 8 de maio de 1982 em um acidente durante os treinos para o Grande Prêmio da Bélgica, no circuito de Zolder.

Com o 312 T4, Gilles Villeneuve, que morreu com 32 anos, foi vice-campeão mundial em 1979, ficando atrás do então companheiro de equipe, o sul-africano Jody Scheckter.

Jacques, por sua vez, conseguiu realizar em 1997 o sonho de seu pai: ser campeão do mundo de Fórmula 1. Isso aconteceu em sua segunda temporada na categoria e ao volante de uma Williams.

O evento em Fiorano teve a presença do presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, e o vice, Piero Ferrari, além dos dois pilotos da escuderia, o brasileiro Felipe Massa e o espanhol Fernando Alonso.

EFE EFE - Agencia EFE - Todos os direitos reservados. Está proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agencia EFE S/A.