0

Para RBR, Vettel seria "apunhalado" pelas costas na Ferrari

24 nov 2010
13h42
atualizado em 20/1/2011 às 10h17

Depois de conquistar o título mundial de Fórmula 1, o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, externou o desejo de pilotar o carro da Ferrari no futuro. Com o objetivo de frustrar o sonho do jovem, o consultor da RBR, Helmut Marko, criticou o ambiente da escuderia italiana e afirmou que Vettel seria "apunhalado pelas costas" na concorrente.

"Sebastian na Ferrari? Todos nós sabemos das sensibilidades políticas que há por lá, e ele já viu que, conosco, pode contar com o fator da comodidade", analisou ao jornal alemão Express, em alusão à recusa da equipe em usar o fatídico jogo de equipe.

Mais à frente, Marko foi taxativo e criticou a filosofia da escuderia de Maranello. "Ele não precisa de uma equipe que o apunhalaria pelas costas ao primeiro sinal de problema", polemizou.

Para o dirigente da Red Bull, o pupilo germânico foi influenciado pelo legado deixado pelo compatriota Michael Schumacher. "Todos pilotos sonham em pilotar uma Ferrari ou uma Mercedes. Mas poucos acabam dirigindo para eles e tudo depende de uma série de favores", atacou.

A Red Bull estreou como uma escuderia independente em 2005 e, seis temporadas depois, alcançou os títulos de Construtores e de Pilotos.

Red Bull celebra estratégia vencedora ao mesmo tempo em que critica ambiente e política da adversária
Red Bull celebra estratégia vencedora ao mesmo tempo em que critica ambiente e política da adversária
Foto: AP
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade