0

Rumores sobre saída de Webber da Red Bull ganham força

10 abr 2010
11h44
atualizado às 13h00

As especulações sobre a troca do australiano Mark Webber por outro no cockpit da Red Bull crescem a cada dia. Além de ter revelado o desejo de aposentar-se em um futuro próximo, pesa contra o companheiro de Sebastian Vettel o fato de que seu contrato com a escuderia austríaca se encerrar dia 31 de julho deste ano.

Segundo os rumores da imprensa internacional, os prováveis substitutos de Webber seria o finlandês Kimi Raikkonen, atualmente correndo o Mundial de Ralis em uma equipe vinculada à marca de energéticos, e o alemão Nick Heidfeld, piloto de testes da Mercedes. O primeiro, campeão mundial em 2007 pela Ferrari, é um sonho de consumo da cúpula da Red Bull - principalmente do presidente Dietrich Mateschitz -, já o segundo seria também um nome forte e com experiência.

Boatos à parte, a prioridade no momento na atual terceira colocada do Mundial de Construtores é definir os motores da equipe principal (Red Bull) e da secundária (Toro Rosso). Ambas possuem acordos de apenas uma temporada com a Renault e Ferrari, respectivamente.

Em três anos na equipe, o desempenho de Mark Webber, que já passou pela Minardi, Jaguar e Williams, é de duas vitórias, duas pole positions e 124,5 pontos. Na atual temporada, em três grande prêmios disputados, o australiano conquistou 24 pontos e ocupa a oitava colocação do Mundial de pilotos, 13 atrás do Felipe Massa, da Ferrari.

Mark Webber pode estar saindo da Red Bull e da F1
Mark Webber pode estar saindo da Red Bull e da F1
Foto: Reuters
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade