4 eventos ao vivo

Schumacher minimiza rendimento em treino e descarta pole position

23 mar 2012
06h22

Os dois pilotos da Mercedes terminaram entre os quatro primeiros colocados nos primeiros treinos livres para o Grande Prêmio da Malásia, realizados na madrugada desta sexta-feira. Apesar do bom rendimento, o alemão Michael Schumacher, superado apenas pelo inglês Lewis Hamilton (McLaren) na segunda sessão, descarta uma eventual pole position.

Schumacher não crê que as Mercedes estarão nas primeiras filas
Schumacher não crê que as Mercedes estarão nas primeiras filas
Foto: AP

» Conheça todos os carros apresentados para a temporada

"Não, eu não seria otimista para dizer alguma coisa", disse o piloto quando questionado sobre a possibilidade de brigar pela pole. "Estivemos trabalhando o ritmo de corrida. Acho que não vimos o potencial máximo de todo mundo. Honestamente, acredito que a quinta ou a sexta posição será o máximo que poderemos alcançar amanhã", afirmou.

Com apenas uma corrida já realizada, a evolução da Mercedes em relação ao ano passado é nítida. No Grande Prêmio da Austrália, prova que abriu o campeonato no domingo passado, Schumacher alcançou o melhor lugar no grid de largada desde que retornou à Fórmula 1 e partiu em quarto, mas deixou a corrida de forma prematura.

Ao falar sobre os trabalhos realizados pela equipe no primeiro dia de atividades na pista em Sepang, o heptacampeão do mundo adotou uma postura cautelosa. "Tivemos um dia bom. Em termos de ritmo de corrida, fomos razoavelmente consistentes, mas vamos descobrir no domingo se isso é suficiente", disse o alemão de forma pragmática.

Há quem aposte que as longas retas do circuito malaio favoreçam os carros da Mercedes, hipótese que ganhou força após o bom rendimento dos pilotos da equipe nos trabalhos de sexta-feira. Assim como o companheiro Schumacher, no entanto, o também alemão Nico Rosberg não acredita na possibilidade de brigar pela ponta no treino classificatório, marcado para as 5h (de Brasília) de sábado.

"Acho que estaremos em algum lugar perto do topo. Essa não é nossa preocupação, mas sim o ritmo de corrida. Estamos trabalhando para a corrida, tentando melhorar o ritmo. Foi um dia muito interessante, especialmente com os pneus. Está muito calor aqui e os pneus estão se superaquecendo", declarou Rosberg.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade