1 evento ao vivo

Vettel leva Ferrari ao "máximo possível" e se conforma

11 abr 2015
06h11
atualizado às 11h33
  • separator
  • comentários

Mesmo sem ameaçar os representantes da Mercedes durante o treino classificatório para o Grande Prêmio da China de Fórmula 1, o alemão Sebastian Vettel ficou feliz com seu desempenho. O piloto da Ferrari encerrou a atividade na terceira colocação geral, a melhor possível em sua visão.

Vettel abrirá a segunda fila do grid de largada em Xangai graças à marca de 1min36s687 estabelecida no Q3 do treino classificatório. Felipe Massa ficou em quarto com 1min36s954. A pole foi de Lewis Hamilton, com 1min35s782, apenas 0s042 mais rápido do que Nico Rosberg.

"Estou feliz hoje, fizemos uma estratégia diferente no Q3, usando uma vez só um jogo de pneus usados. A Mercedes estava mais rápida do que esperávamos, o terceiro lugar era o máximo que poderíamos conseguir hoje", disse Vettel.

<p>Vettel mais uma vez mostra a for&ccedil;a da Ferrari 2015</p>
Vettel mais uma vez mostra a força da Ferrari 2015
Foto: Carlos Barria / Reuters

A esperança do alemão é poder repetir em Xangai o que fez há duas semanas no GP da Malásia. Na prova disputada em Sepang, em que largou em segundo, Vettel aproveitou o baixo desgaste dos pneus de sua Ferrari, em comparação com os rivais da Mercedes, e conquistou a vitória, deixando Lewis Hamilton em segundo e Nico Rosberg em terceiro.

"Tomara que amanhã estejamos mais perto, estamos ansiosos para a disputa. A Curva 1 não é muito longe e essa é uma pista em que os pneus são importantes", avaliou o tetracampeão da F1.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade