0

Vettel nega culpa em batida com Mark Webber

30 mai 2010
11h32
atualizado às 12h36

Irritado com o acidente com o companheiro de equipe Mark Webber, Sebastian Vettel foi incisivo ao se defender após sair prematuramente da prova. O jovem piloto da Red Bull disse não ter culpa pelo toque no australiano, que prejudicou os dois no GP da Turquia.

Segundo a revista Autosport, Vettel afimou que por meio das imagens da corrida é possível verificar que estava no lado de dentro, concentrado na prova, quando Webber tocou sua roda.

Apesar do nervosismo demonstrado logo que saiu da pista, quando inclusive gesticulou para Webber, o alemão disse que não há desentendimento dentro da equipe, mas afirmou não estar feliz com a situação.

Com o acidente, Jenson Button, seguido pelo companheiro de McLaren Lewis Hamilton, tomou a ponta e a equipe fez a dobradinha no GP da Turquia neste domingo.

Por meio de gestos, Vettel chama Webber de louco após batida
Por meio de gestos, Vettel chama Webber de louco após batida
Foto: AFP
Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade