0

Virgin Racing perde Álvaro Parente

4 fev 2010
15h35
atualizado às 15h46

Anunciado recentemente como piloto de testes da Virgin Racing, o português Álvaro Parente não faz mais parte da nova equipe de Fórmula 1. Em seu blog, Parente acusou seu patrocinador, o Instituto de Turismo de Portugal (ITP), de não ter cumprido acordo pré-estabelecido com a Virgin.

"O ITP decidiu, por razões que eu ou os meus representantes desconhecemos, não cumprir o acordo a que tinha chegado com a Virgin Racing F1. Tanto os meus representantes, como a Virgin Racing tentaram repetidas vezes contatar o ITP, mas nunca obtiveram qualquer resposta oficial", disse.

O piloto, que não esteve presente no lançamento do carro da equipe, na última quarta-feira, mostrou-se decepcionado com a situação.

"Este fato vai ter consequências muito graves para o prosseguimento da minha carreira. Tenho o dever de informar todos os meus fãs, assim como todos os adeptos do automobilismo, sobre quais são as razões para este afastamento", disse.

Aos 23 anos, Álvaro foi um dos destaques da temporada 2009 da GP2, terminando o campeonato em oitavo lugar.

Virgin estreia na Fórmula 1 no ano de 2010
Virgin estreia na Fórmula 1 no ano de 2010
Foto: Divulgação
Fonte: Lancepress!
publicidade