Fale conosco

 Notícias por e-mail
GPs
Domingo, 16 de outubro de 2005, 05h43 
Alonso vence e Renault é campeã de Construtores
 
Reuters
Alonso conquistou sua sétima vitória
Alonso conquistou sua sétima vitória
 Últimas de GPs
» Marcas de cigarro podem aparecer no GP do Brasil
» Empresa de turfe é favorita para modernizar Silverstone
» FIA oficializa GP do Brasil como último de 2006
» Circuito de Magny Cours passa por reformas
O espanhol Fernando Alonso venceu, na madrugada deste domingo, o Grande Prêmio da China, conquistou mais dez pontos e ajudou a Renault a conquistar seu primeiro Mundial de Construtores na história da Fórmula 1.

Confira fotos da corrida
Veja a classificação final

Com os pontos do espanhol e mais os cinco do italiano Giancarlo Fisichella, a equipe francesa chegou aos 191 pontos e terminou nove pontos a frente da McLaren, que com os oito pontos de Kimi Raikkonen, alcançou a marca de 182. A Ferrari, campeã nos últimos cinco anos, acabou com a terceira posição e 100 pontos no total.

Na classificação final da corrida, Raikkonen terminou na segunda colocação e Ralf Schumacher ocupou a terceira colocação.

Falando apenas seis voltas para o final, Fisichella foi penalizado por segurar os pilotos que estavam atrás dele quando o safety car estava na pista para poder fazer sua parada. O italiano teve que passar pelos boxes e perdeu a terceira posição.

Alonso terminou a temporada com 133 pontos e Kimi Raikkonen com 112 pontos.

O GP da China teve acidente antes mesmo do começo da corrida. Quando os pilotos saíam para a pista e se preparavam para alinhar no grid, Christijan Albers e Michael Schumacher se envolveram em um acidente. Ambos tiveram seus carros destruídos e largaram dos boxes.

Durante a corrida, Narain Karthikeyan saiu da pista, bateu forte no muro e o safety car teve que entrar mais uma vez na pista. Antes, ele já havia entrado por causa de um ralo na pista que tirou Montoya da corrida.

Michael Schumacher abandonou a prova na 25ª volta, após errar a tomada de uma curva quando o safety car estava na pista. Com o abandono, o alemão terminou 2005 na terceira posição com 62 pontos.

O piloto brasileiro Rubens Barrichello terminou na 12ª posição e apenas na 8ª posição final, com 38 pontos. Massa acabou em sexto, conquistou mais três pontos e fechou a temporada na 11ª colocação com 11 pontos.

Pizzonia, que briga por uma vaga de titular para 2006, abandonou na última volta e terminou a atual temporada com dois pontos.
 

Redação Terra