1 evento ao vivo

Morre torcedor do Avaí atingido por pedra em ônibus

24 set 2014
16h11
atualizado às 17h01
  • separator
  • 0
  • comentários

Torcedor do Avaí, João Augusto Grah morreu na madrugada desta quarta-feira, quando voltava de Curitiba, onde a equipe catarinense empatou com o Paraná Clube pela 26ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Grah estava em um ônibus que transportou torcedores à capital paranaense e foi atingido no para-brisa por uma pedra, na altura do km 136 da BR-101, em Balneário Camboriú, no litoral norte de Santa Catarina.

<p>Avaí desperdiçou oportunidade de assumir a ponta da tabela</p>
Avaí desperdiçou oportunidade de assumir a ponta da tabela
Foto: Felipe Gabriel / Agência Lance

Pelo menos três pedras teriam sido atiradas na direção do veículo, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal. João Grah foi atingido no momento em que estava perto do vidro dianteiro, conversando com o motorista.

Imagens da concessionária Autopista Litoral Sul mostram um carro parado em um viaduto sob o qual o micro-ônibus passou. Os suspeitos esperaram o veículo passar embaixo da ponte e arremessaram as pedras. Alguns comemoraram quando viram que o ônibus foi atingido.

Após o ataque, o motorista seguiu viagem até um posto da Polícia Rodoviária Federal localizado em Itapema. Em uma ambulância da Autopista Litoral Sul, o torcedor foi conduzido até o Hospital Ruth Cardoso, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

O Avaí e o rival Figueirense emitiram notas nos sites oficiais para lamentar a morte de João Augusto Grah e pedir que os responsáveis pelo crime sejam identificados e punidos.

O corpo do torcedor será velado nesta tarde, na Câmara dos Vereadores de Santo Amaro da Imperatriz - cidade localizada a 33 quilômetros de Florianópolis -, e enterrado na quinta, às 9h (de Brasília), no cemitério da Igreja Matriz de Santo Amaro da Imperatriz.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade