Mundial 2006

Mundial 2006

Quarta, 20 de setembro de 2006, 10h20 

Cíntia Tuiú e Iziane dão dicas sobre a Rep. Checa

Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Busque outras notícias no Terra:
A ala-armadora Iziane e a pivô Cíntia Tuiú, ambas da Seleção Brasileira, podem falar com propriedade sobre o jogo da República Checa, rival do Brasil nesta quarta-feira, pelas quartas-de-final do 15º Campeonato Mundial de basquete, em São Paulo.

Terra acompanha Brasil x Rep. Checa

As duas já jogaram no país europeu e deram dicas para o técnico Antonio Carlos Barbosa armar seu time.

"Joguei lá por três meses no início deste ano pelo USK Blex. Foi uma experiência diferente. As checas são disciplinadas, mas sob pressão acabam errando", disse Iziane, que depois foi para a WNBA.

Já Cíntia atuou na temporada 2003/2004 pelo principal time checo, o Gambrynus TME, e garantiu que o potencial do Brasil não é inferior ao da seleção européia.

"As checas trabalham muito mais a bola no ataque. Já o Brasil tem mais velocidade no jogo de transição e isso será importante na partida das quartas-de-final. Eu conversei com o Barbosa e passei tudo que sei sobre o jogo delas", comentou a pivô.

Lancepress!