4 eventos ao vivo
NBA

Após baterem Warriors fora de casa, Spurs pegarão Grizzlies na final da Oeste

17 mai 2013
04h10
atualizado às 08h27
  • separator
  • 0
  • comentários

Mesmo jogando fora de casa, o San Antonio Spurs, do pivô brasileiro Tiago Splitter, venceu o Golden State Warriors por 94 a 82 e, de quebra, assegurou sua vaga na final da Conferência Oeste ao marcar 4 a 2 na série de sete.

<p>Atuação destacada de veterano Tim Duncan ajudou franquia texana a fechar série melhor de sete das semifinais em 4 a 2</p>
Atuação destacada de veterano Tim Duncan ajudou franquia texana a fechar série melhor de sete das semifinais em 4 a 2
Foto: Reuters

Com a vitória na noite desta quinta-feira, a equipe texana, que chega pela segunda temporada consecutiva à final, enfrentará o Memphis Grizzlies, que, por sua vez, impos 4 a 1 no Thunder e eliminou os atuais campeões.

Ao contrário do que ocorreu nas duas partidas anteriores disputadas no Oracle Arena, de Oakland, desta vez os Spurs souberam controlar o jogo e o marcador com um grande trabalho de equipe liderado pelo veterano ala-pivô Tim Duncan, que anotou 19 pontos e liderou a lista dos cinco titulares que tiveram números de dois dígitos.

Junto de Duncan, 37 anos, o jogador de mais idade atuando na NBA, o ala Kawhi Leonard voltou a provar que será uma das estrelas da franquia ao anotar um decisivo double-double de 16 pontos e 10 rebotes.

&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/tenis-nba-de-quem-e/iframe2.htm&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot; href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/tenis-nba-de-quem-e/iframe2.htm&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;veja o infogr&amp;amp;amp;amp;amp;amp;aacute;fico&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;

O fator surpresa dos Spurs foi o pivô brasileiro Tiago Splitter, que fez também um trabalho excepcional ao anotar 14 pontos, sua melhor marca na fase final. Nos 31 minutos que esteve em quadra, Splitter anotou seis de oito arremessos de campo e dois de dois lances livres, sendo o jogador mais eficaz do ataque dos Spurs.

O armador francês Tony Parker, que não começou bem a partida, apareceu quando a equipe mais precisou, no último quarto, e anotou 10 pontos dos 13 que fez no total, enquanto o argentino Manu Ginóbili, embora sem suas genialidades ofensivas, anotou 11 assistências.

Os Warriors, que chegou a ter 13 pontos de desvantagem no terceiro quarto, esboçaram sua tradicional reação e, a pouco menos de cinco minutos para o final da partida, reduziu a diferença para apenas dois pontos. No entanto, após uma cesta de três de Parker (80 a 75), os donos da casa deixaram a virada escapar.

Mesmo com dores no tornozelo esquerdo, o armador Stephen Curry foi o cestinha dos Warriors com 22 pontos, enquanto o veterano Jarrett Jack foi o sexto homem com 15 pontos.

A primeira partida da melhor de sete da final será realizada no próximo domingo no AT&T Center, de San Antonio, já que os Spurs têm a vantagem de campo após terem terminado a temporada regular na segunda colocação da Conferência Oeste, enquanto os Grizzlies ficaram em quintos.

EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade