0

NBA divulga punições a atletas que cavarem faltas

3 out 2012
17h05
atualizado às 18h32

A NBA divulgou nesta quarta-feira que punirá atletas que cavarem faltas durante partidas da próxima temporada. A medida era estudada desde o mês passado e passa a vigorar já no dia 30 de outubro, quando a edição 2012/2013 da competição tem início.

As punições divulgadas pela organização do campeonato variam de advertências a multas, que podem chegar a até US$ 30 mil (R$ 60 mil), e suspensões, de acordo com o número de simulações feitas pelo jogador.

"Simulações não fazem parte do nosso jogo. Elas enganam os árbitros, que marcam faltas inexistentes, ou os fãs, que pensam que os árbitros não marcaram uma infração", disse o vice-presidente de operações da NBA, Stu Jackson.

Os lances duvidosos serão avaliados após as partidas por uma comissão. Caso um atleta seja punido pela primeira vez, ele recebe apenas uma advertência. Em caso de reincidência, é multado em US$ 5 mil.

Para cada nova simulação, o valor a ser pago sobe para US$ 10 mil, US$ 15 mil e US$ 30 mil. A partir da sexta condenação, o jogador pode receber uma multa maior ou ser até suspenso.

Segundo a NBA, as punições devem ser ainda mais rigorosas durante os playoffs da competição, mas o esquema ainda não foi definido.

Atletas da NBA podem receber punições de até US$ 30 mil por simulação
Atletas da NBA podem receber punições de até US$ 30 mil por simulação
Foto: Getty Images
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade