2 eventos ao vivo

NBB Brasil vence o NBB mundo e aumenta supremacia no Jogo das Estrelas

22 fev 2014
11h50
atualizado às 12h24
  • separator

O NBB Brasil aumentou sua vantagem sobre o NBB mundo. Neste sábado, no Ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza, a equipe de brasileiros venceu a de estrangeiros por 126 a 116 no Jogo das Estrelas do NBB e agora tem três triunfos contra apenas um dos adversários, nas quatro oportunidades em que a partida festiva foi disputada neste formato.

O jogo chamou a atenção pela competitidade desde o primeiro quarto e pelos poucos lances de mais efeito. Neste aspecto, os destaques ficaram com os brasileiros Murilo e Cipolini e pelo americano DeVon Hardin, que apostaram nas enterradas, e pelos dribles do brasileiro Valtinho e do americano Shamell.

O primeiro quarto começou com o NBB Brasil abrindo vantagem. Porém, o NBB mundo, ainda com os seus titulares, conseguiu cortar a diferença e voltar para o jogo. Aos poucos, os reservas foram entrando na partida, e o primeiro tempo começou com vantagem de 36 a 30 para o time verde e amarelo.

O segundo período se manteve equilibrado. O primeiro tempo técnico foi pedido quando restavam 6min24s para o intervalo, e os brasileiros venciam por 50 a 43. Cerca de dois minutos depois, após nova paralisação, os estrangeiros chegaram a assustar e encostar no marcador, mas o NBB Brasil foi para os vestiários vencendo por 67 a 60. O lance mais inusitado foi de Olivinha, que errou bandeja livre e arrancou risadas dos torcedores.

A segunda metade do jogo começou com o NBB mundo tomando a dianteira no placar. Com o passar do tempo, o jogo foi ficando mais "pegado" - principalmente por parte dos brasileiros, que passaram a apertar a defesa e conseguiram a virada nos minutos finais da parcial, entrando no quarto derradeiro vencendo por 100 a 91.

No início do quarto final, os gringos cortaram a diferença para apenas dois pontos. Porém, Jefferson, com uma cesta de três, abriu 103 a 98 quando restavam pouco mais de sete minutos para o estouro do cronômetro. A jogada empolgou os brasileiros, que chegaram a abrir dígitos duplos de vantagem no placar.

Restando quatro minutos para o fim, Gustavo de Conti, técnico do NBB mundo, pediu tempo com seu time perdendo por 119 a 105. Porém, não houve tempo para reação, e o NBB Brasil acabou vencendo por 126 a 116.

* O repórter viaja a convite da LNB

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade