0

Para Iziane, Maranhão Basquete chega forte para disputa da LBF

9 jan 2013
15h20
atualizado em 10/1/2013 às 11h36
  • separator

O Basquete Maranhão já está se preparando para a disputa da próxima edição da Liga de Basquete Feminino (LBF) e a ala Iziane Castro é uma das principais jogadoras da equipe. O time chega à sua segunda participação no torneio trazendo grandes atletas para ajudar a equipe a chegar longe na competição.

Cinco jogadoras, todas vindas do Ourinhos Basquete, vice-campeão paulista, foram contratados pelo time maranhense para a disputa da LBF. A ala/pivô Damiris do Amaral, eleita a melhor atleta do Mundial sub-19 do ano passado, as pivôs Kelly Santos e a cubana Plutin Tizon, a armadora Bethânia Vasconcelos e a ala Patrícia Chuca. As armadora Cacá e Roberta também integram o elenco.

No ano passado, o Maranhão Basquete caiu nas quartas de final da competição nacional, Porém, nesta temporada, Iziane destaca que os objetivos do time não são modestos, mas acredita que grandes concorrentes como Sport e Americana são favoritos a levantar o caneco. "Acredito que a final seja nossa meta. Ganhar é consequência do trabalho. A equipe, com os nomes que temos, é possível chegarmos à final. Essa é a meta que coloco na minha cabeça com esse grupo", disse a ala. "Lógico que vai depender do entrosamento, de como vamos começar a competição e nos adequarmos umas as outras porque é um grupo que ainda não jogou junto. No entanto, temos jogadoras que já jogaram juntas e isso ajuda um pouco. Acho que essas o Maranhão Basquete, Americana e o Sport são as equipes mais destacadas este ano. A equipe do São José também está bem. Ela surpreendeu ano passado e se reforçou este ano", continuou.

A maranhense, entretanto, sabe que não são somente as atletas que vão fazer a equipe ir bem. Para Iziane, a torcida tem que comparecer ao ginásio Castelinho para incentivar o Maranhão Basquete. "O torcedor é coringa disso tudo. A torcida vem mesmo como o sexto jogador. Jogar em um ginásio cheio onde a torcida torce pelo outro time, é difícil. Eu já tive nessa situação e por mais que você esteja focado, você ver aquele povo todo como sexto jogador para o outro time não é fácil de levar. Por isso, esperamos que o povo maranhense esteja nos apoiando durante toda a temporada assim como fez em 2012", frisou.

Antônio Carlos Barbosa, experiente profissional, chega para ser o novo manager do Maranhão Basquete e foi elogiado por Iziane. Segundo a jogadora, o ex-treinador, que inclusive já treinou a ala, vai acrescentar bastante para o clube.

"Ele traz muitas coisas. Além da experiência de muitos anos no basquete feminino, ele tem um convívio muito bom de grupo. Acho que ele é um grande profissional e tem muito a somar, dar muita experiência a nossa comissão técnica e dar certa segurança para o Betinho Lima e os auxiliares trabalharem", analisou. "Com certeza ele pode ajudar a desenvolver nossos profissionais. Os treinos são abertos e qualquer profissional pode assistir aos treinos e tomar suas anotações. Acho que o Barbosa já jogou muita coisa: Mundiais, Olimpíadas. A experiência dele é imensa e ele é uma pessoa muito boa, que gosta de ajudar", prosseguiu. "A gente sabe que ele é uma pessoa que se compromete em ajudar e tem muita experiência técnica que a gente pode tomar proveito. É importante em se pensar em clínicas para os técnicos para deixar de legado do Maranhão Basquete. O que ele tem de técnica para passar, comparado aos nossos profissionais, é imensurável", finalizou Iziane.

A diretoria do Maranhão Basquete confirmou para esta quarta-feira, dia 9 de janeiro, a apresentação oficial do elenco e da comissão técnica para a temporada 2013. O evento será realizado no Hotel Praia Mar, no bairro da Ponta D’Areia, em São Luís (MA).

A estreia do Maranhão Basquete na LBF será no dia 27 de janeiro, às 10h (de Brasília), contra o Sport Recife, em casa.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade