2 eventos ao vivo

Bicampeão, Isaquias exalta vitórias sobre canadenses: "Foi excelente"

14 jul 2015
15h11
  • separator
  • 0
  • comentários

Isaquias Queiroz encerra sua participação nos Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015 e embarca para o Brasil com duas medalhas de ouro e uma de prata na bagagem. O baiano ficou muito satisfeito com seu desempenho no Centro Pan Americano Welland de Canoagem, ainda mais por ter derrotado o local Mark Oldershaw, porta-bandeira canadense na Cerimônia de Abertura do torneio e bronze olímpico em Londres 2012, na categoria C1 1000m, na segunda-feira.

"A C1 1000m foi excelente. Ganhei do canadense, que era meu objetivo aqui", avaliou o canoísta de velocidade, que terminou a prova em 4min07s866. O primeiro brasileiro campeão mundial da modalidade também subiu ao lugar mais alto do pódio na prova C1 200m na manhã desta terça, com o tempo de 39s991, à frente do canadense Jason McCoombs (41s333) e do cubano Arnold Rodríguez (41s459).

"O C1 200m eu também consegui ganhar do canadense (McCoombs), que tá sempre na final da Copa do Mundo e chegando bem no Mundial. Os 200m não são minha especialidade, mas fiz uma ótima prova", acrescentou.

Depois de ganhar seu primeiro ouro no primeiro dia de competição, Isaquias faturou a prata ao lado de Erlon de Souza no C2 1000m com tempo de 3min47s117, atrás dos canadenses Gabriel Beauchesne-Sévigny e de Benjamin Russell (3min46s316). O atleta lamentou o resultado, mas ficou feliz com a contagem final.

"Eu vim para cá com vontade de sair com três medalhas de ouro, mas com duas e uma de prata já estou satisfeito", avaliou. 

Após quatro dias de prova, a equipe verde-amarela de canoagem de velocidade termina a participação no Pan de Toronto com nove medalhas (dois ouros, três pratas e quatro bronzes) e em terceiro lugar na classificação geral, atrás de Estados Unidos e Canadá.

Esta é a melhor campanha brasileira na história da competição. Em Guadalajara 2011, o País conquistou quatro medalhas (duas pratas e dois bronzes) e ficou em sétimo no geral. Nos dias 18 e 19 de julho será a vez da disputa da canoagem slalom. Isaquias retorna ao Brasil ainda nesta terça e já visa à preparação para o Mundial, entre os dias 19 e 23 de agosto, na Itália.

"Minha participação aqui, assim como a de todos os atletas da canoagem de velocidade, foi boa, a gente sai satisfeito com o resultado. E se não estamos, vamos voltar para o Brasil e aperfeiçoar mais. Agora é manter o foco para o Mundial", finalizou o bicampeão. 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade