1 evento ao vivo

Substituto em jogo fatídico de 2003, camaronês morre aos 30

16 nov 2014
16h38
atualizado às 17h50
  • separator
  • 0
  • comentários

Onze anos após a morte de Marc-Vivien Foé, a tragédia novamente volta a bater a porta do futebol camaronês e também mundial. O meio-campista Valéry Mézague, de 30 anos, foi encontrado morto em seu apartamento, na cidade de Toulon, na França, neste sábado.

<p>Valéry Mézague jogou pela seleção camaronesa na Copa das Confederações de 2003</p>
Valéry Mézague jogou pela seleção camaronesa na Copa das Confederações de 2003
Foto: Shaun Botterill / Getty Images

Segundo a imprensa local, a polícia não encontrou indícios de violência ou arrombamento do local, cogitando a hipotése de o jogador ter cometido suicídio. Horas depois, o Sporting Toulon, clube no qual Mézague atuava, lamentou a morte do atleta por meio das redes sociais.

"É com grande tristeza que o Sporting Toulon comunica a morte de Valéry Mézague. O clube recebeu com grande tristeza a morte de um de seus jogadores. O pensamento está voltado para sua família", disse a mensagem no twitter oficial do clube.

Mézague teve passagem curta e de triste lembrança pela seleção de seu país. Na Copa das Confederações de 2003, o volante substituiu Marc-Vivien Foé na semifinal, contra a Colômbia, após o companheiro sofrer uma parada cardíaca e desabar em campo. Ele seria declarado morto horas depois.

Além do Sporting Toulon, Mézague teve passagens por Montpellier, Portsmouth, Sochaux e Le Havre.

Foto: Shaun Botterill / Getty Images

Marc-Vivien Foé morreu druante a partida entre Camarões e Colômbia em 2003 e foi substuído por Mézague (Shaun Botterill/Getty Images)

Fonte: Lancepress! Lancepress!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade