1 evento ao vivo

Cavalo campeão olímpico morre após evento e provoca 1 minuto de silêncio

7 nov 2011
09h20

O domingo foi muito triste para os admiradores do hipismo. Em em evento da Copa do Mundo em Verona, na Itália, o cavalo Hickstead morreu logo depois de completar o seu turno de saltos com o astro canadense Eric Lamaze.

Em homenagem ao animal, os demais competidores e os organizadores do torneio italiano decidiram respeitar 1 minuto de silêncio e não continuar a disputa do evento, que era a quarta etapa da Copa do Mundo nesta temporada.

Em um comunicado à imprensa, a organização informou que o animal "de repente teve um colapso" quando deixava a arena de Verona "após cumprir com sucesso a sua série de saltos". Imediatamente, veterinários foram chamados para atender o cavalo, que, porém, já estava morto. Uma autópsia determinará a causa exata da morte nos próximos dias.

Na nota, os dirigentes apontam ainda que Hickstead era "um dos maiores cavalos da história do esporte". Ele tinha 15 anos e atingiu a consagração na Olimpíada de Pequim, quando ajudou Lamaze a vencer a prova individual de saltos. No mesmo evento, o Canadá faturou a medalha de prata por equipes.

Sempre com a mesma montaria, Lamaze, 43 anos, conquistou ainda em provas individuais a medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro 2007 e no Campeonato Mundial de 2010, em Lexington, nos Estados Unidos.

Montando Hickstead, canadense Eric Lamaze conquistou ouro olímpico nos saltos em Pequim 2008
Montando Hickstead, canadense Eric Lamaze conquistou ouro olímpico nos saltos em Pequim 2008
Foto: Getty Images
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade