4 eventos ao vivo

Ex-jogador do Chile, Rada morre aos 77 anos em Barraquilla

1 jun 2014
19h59
atualizado às 21h27
  • separator
  • 0
  • comentários

O ex-jogador Antonio Rada, autor de um dos gols do empate da Colômbia com a União Soviética (URSS) por 4 a 4 na Copa do Mundo do Chile, em 1962, morreu neste domingo aos 77 anos em Barraquilla, informaram seus familiares. Rada sofria de câncer e seus últimos dias passou em sua casa de Barranquilla.

Antonio Rada (camisa 20) participou da Copa do Mundo de 1962
Antonio Rada (camisa 20) participou da Copa do Mundo de 1962
Foto: AP

Em 3 de junho de 1962, no estádio Carlos Dittborn de Arica, Rada marcou o terceiro gol da partida na qual a Colômbia, após estar perdendo por 4 a 1 da poderosa seleção soviética, conseguiu empatar a partida em 4 a 4, resultado que durante décadas foi a maior proeza do futebol colombiano.

Os outros três gols daquela memorável partida foram anotados por Germán Aceros, Marcos Coll e Marino Klinger. Rada fez parte dos clubes colombianos Unión Magdalena, Deportivo Pereira, Atlético Nacional, Atlético Bucaramanga, Tolima e Atlético Junior.

No Júnior de Barranquilla, Rada fez dupla no ataque em 1966 e 1967 com o brasileiro Dida (Edvaldo Alves de Santa Rosa), que tinha sido campeão com a Seleção Brasileira no Mundial da Suécia em 1958. Como diretor técnico esteve no comando de vários equipes amadoras da região. Como profissional, Rada jogou 310 partidas oficiais e anotou 152 gols.

EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade