0

Ciclista Bruno Tabanez busca o bicampeonato na 9 de Julho

7 jul 2010
16h36
atualizado às 17h01

Atual campeão da Prova Ciclística 9 de Julho, o paulista Bruno Tabanez é um dos destaques da edição deste ano, a 67ª da história da competição, considerada uma das mais tradicionais e importantes do calendário nacional. O atleta da equipe São Lucas Saúde/Giant/Ciclo Ravena/UAC, de Americana, disse estar preparado para lutar pelo bicampeonato nesta sexta-feira, dia 9, no Autódromo Internacional José Carlos Pace, em Interlagos (SP).

Vinda de Americana, a São Lucas é uma das equipes que participarão da categoria Elite masculino, ao lado de outros times de destaque no cenário nacional. A programação oficial começará às 9h45 (de Brasília), sendo que a largada da Elite está marcada para as 11h (de Brasília). Com bom retrospecto na carreira, o ciclista está confiante para a edição 2010 da tradicional competição paulistana.

"As expectativas são boas mais uma vez. Estou bem treinado, assim como os demais integrantes da equipe, para conseguir o bicampeonato. Se for comigo será muito bom, mas ficarei feliz se for qualquer um da equipe", explica Bruno, que em 2008 já havia sido vice-campeão da prova.

Tabanez terá como companheiros outras feras: Raphael Serpa, sexto do ranking nacional e terceiro colocado na Copa América 2010; e Geraldo Silva, campeão da Copa América deste ano e 12º no ranking, entre outros. Bruno conta sua estratégia: fazer uma corrida inteligente tanto sozinho, como em equipe.

"Pretendemos correr com a cabeça", brinca. "Trata-se de uma prova dura e que reúne grandes equipes. Não adianta nada forçar no começo e depois não estar em condição de vencer. Vamos trabalhar para estar no sprint final e poder lutar por um bom resultado", afirmou o ciclista, de 25 anos, que no ano passado completou as 20 voltas com o tempo de 2h01min15seg.

Para Bruno Tabanez, um bom resultado na sexta-feira seria perfeito, já que vem "batendo na trave" nos últimos meses. "No domingo, no Giro Memorial, corremos em Santos e terminei em segundo, com o Raphael Serpa chegando na quarta posição. Antes, em Maringá, fiquei em segundo na prova Cidade Canção. Como se vê, estou batendo na trave. Vamos torcer para que a sorte venha na 9 de Julho", finalizou o ciclista.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade
publicidade