1 evento ao vivo

COB contrata vitorioso técnico espanhol para Seleção de canoagem

28 mar 2013
18h44

O Comitê Olímpico Brasileiro anunciou a contratação de um dos mais consagrados treinadores de canoagem do mundo para comandar os atletas da modalidade no Brasil. O espanhol Jesús Morlán, que tem cinco medalhas olímpicas e dez títulos mundiais no currículo, será o novo comandante da Seleção Brasileira de Canoagem Velocidade. O técnico será o responsável pela preparação da equipe nacional para os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

Com a chegada de Jesús, o COB, juntamente com a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), pretende elevar o patamar do esporte, em busca de uma medalha olímpica inédita na modalidade. Como técnico da seleção espanhola, Morlán ajudou o canoísta David Cal a ganhar cinco medalhas nas três últimas edições das Olimpíadas, sendo uma de ouro e quatro de prata, e o atleta se tornou o detentor do maior número de medalhas da história do país.

Jesús Morlán chega ao Brasil nesta segunda-feira, dia 1º de abril, e vai trabalhar com os cinco jovens atletas da equipe nacional de canoa, no novo Centro de Treinamento de Canoagem de Velocidade, localizado no Yacht Club Paulista, na represa de Guarapiranga (SP).

"Esta é uma experiência nova em minha carreira e estou muito motivado de trabalhar com os atletas do Brasil. Quero prepará-los para chegarem em agosto de 2016 tendo conquistado medalhas nos Jogos Olímpicos Rio 2016", disse o treinador. "Estes serão os Jogos da vida deles e é um objetivo que eu me imponho. Fiz um trabalho muito bonito na Espanha ajudando o David Cal a se tornar o maior medalhista da história do país e tenho total convicção que os canoístas brasileiros têm muito talento, potencial e estão no mesmo nível ou até melhores ao que eu encontrei o David no começo de sua carreira", completou.

Jesús planeja estabelecer um planejamento específico para os atletas de cada prova de canoagem velocidade. Além do contato com o novo treinador, os atletas brasileiros também poderão ter contato com o David Cal, que também vai comparecer ao país. "Eu serei treinador exclusivo dos brasileiros e o David me acompanhará para usufruir da mesma estrutura oferecida aos atletas do Brasil. Acredito que o intercâmbio com um dos maiores atletas olímpicos da história será muito importante para a evolução dos brasileiros", frisou.

João Tomasini Schwertner, presidente da Confederação Brasileira de Canoagem, aprovou a chegada do novo treinador. "A canoagem é um esporte em franco crescimento no Brasil, muito disso em virtude do apoio e das parcerias conquistadas pela Confederação Brasileira de Canoagem, pelo apoio do Comitê Olímpico e do Ministério do Esporte e do patrocinador oficial da Canoagem brasileira o BNDES", falou. "A vinda de Jesús Morlán para a Seleção Brasileira de Canoagem Velocidade faz parte desse nosso trabalho para transformar a canoagem em um esporte campeão olímpico e mundial para o Brasil", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade