1 evento ao vivo

À espera de adversário da final, Tite vê ''La U x Boca'' ainda em aberto

21 jun 2012
08h00
atualizado às 09h09

Universidad de Chile e Boca Juniors se enfrentam às 21h15 (de Brasília) desta quinta-feira, em Santiago, para definir qual será o adversário do Corinthians na final da Libertadores. O jogo de ida foi vencido pelo time argentino por 2 a 0, mas o técnico Tite não acredita que a vaga já tenha dono.

O Corinthians, do técnico Tite, chegou à primeira final de Libertadores de sua história
O Corinthians, do técnico Tite, chegou à primeira final de Libertadores de sua história
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

» Veja opções de jogadores para o seu time repatriar no Brasileiro

"Está em aberto. La U reverteu placar que achei que seria muito difícil de reverter, nas oitavas de final, depois de perder por 4 a 1 para o Deportivo Quito (ganhou por 6 a 0, no jogo de volta, em Santiago). Essa equipe está há muito tempo junta. Tem uma escola de triangulação, de muita troca de passe", analisou o treinador, depois do empate por 1 a 1 com o Santos, na quarta-feira.

Para Tite, se o Boca confirmar a classificação, a dificuldade também será grande. "É uma equipe sólida, consistente, rodada, cascuda. A bola não queima no pé. Cai no Riquelme, no Schiavi. Jogadores de qualidade impressionante. A gente sabe da grandeza dessa equipe, o emocional é muito forte", disse.

Esta será a primeira final do Corinthians - e também de Tite - na história da Libertadores. O treinador, porém, se apega a um confronto não tão distante contra o Boca. Em 2008, no comando do Internacional, ele venceu os argentinos tanto em Buenos Aires quanto em Porto Alegre e passou à semifinal da Copa Sul-americana, da qual sagrou-se campeã.

"Venci o Boca em La Bombonera, em um jogo extraordinário. Lá tem que ter uma capacidade de concentração muito forte. Mas são duas escolas um pouco diferentes. Uma é a mais clássica, a outra, do Universidad, é de bastante triangulação", concluiu.

Independentemente do adversário, o Corinthians fará a segunda partida da decisão como mandante por ter a melhor campanha da competição. O primeiro jogo, seja na Argentina ou no Chile, está previamente marcado para quarta-feira que vem, dia 27.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade