0

Corinthians domina no Pacaembu, bate Santos e leva vantagem à Vila

12 mai 2013
18h02
atualizado às 19h49
  • separator
  • 0
  • comentários

O Corinthians voltou a jogar bem neste domingo justamente quando mais precisava. Contra o Santos, pelo duelo de ida da decisão do Campeonato Paulista, a equipe do Parque São Jorge poderia até ter goleado, mas desperdiçou diversas chances. E, quando conseguiu abrir dois gols, levou um no fim, com Durval, mas venceu por 2 a 1 e conquistou a vantagem para o jogo de volta.

Saiba detalhes de como foi duelo entre Corinthians e Santos

Os rivais voltam a se encarar no próximo domingo, quando o Santos terá a chance de reverter o placar adverso em casa, na Vila Belmiro. Entretanto, o time praiano terá que vencer por dois gols de diferença para conquistar o tão sonhado tetracampeonato. Um triunfo por um tento leva a decisão do campeão para os pênaltis.

O primeiro tempo no Pacaembu foi totalmente corintiano. O Santos, apático, não conseguia sequer passar da linha do meio-campo e apenas observava a equipe de Tite deitar e rolar com a posse de bola. Após chances perdidas com Paulinho e Romarinho, o clube do Parque São Jorge abriu o placar a três minutos do fim do primeiro tempo.

No lance, Romarinho cobrou falta pelo lado direito do ataque nos pés de Danilo, que desperdiçou o domínio, mas deixou para Paulinho, livre de marcação, apenas empurrar às redes e tirar o zero do marcador. O 1 a 0, aliás, estava barato para o clube praiano, que parecia travado com os três volantes em campo.

O mesmo Paulinho quase ampliou no lance seguinte. Em jogada iniciada no meio, o camisa 8 deu um chapéu em Marcos Assunção e, segundos depois, pegou um lindo chute de fora da área. A bola explodiu no travessão, e Guerrero, livre, perdeu o rebote ao chutar para fora.

O Santos melhorou de rendimento na etapa complementar e até poderia ter empatado. Entretanto, André perdeu a chance, Cícero chutou na trave em outra boa oportunidade e o Corinthians cresceu de novo. Com Paulinho, o time da casa quase ampliou, mas só o fez mesmo perto do fim, quando Paulo André aproveitou bate e rebate após escanteio e completou para as redes.

Quando tudo se encaminhava mesmo para a vitória corintiana por dois gols de diferença, o Santos conseguiu diminuir em cabeçada de Durval e agora vai para a Vila Belmiro com esperanças maiores de reverter a vantagem corintiana. Os times voltam a se encontrar no domingo, às 16h, em Santos.

Ficha técnica

CORINTHIANS 2 x 1 SANTOS

Gols
CORINTHIANS

Paulinho, aos 42min do primeiro tempo, e Paulo André, aos 32min do segundo tempo

SANTOS

Durval, aos 36min do segundo tempo

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro, Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf e Paulinho; Emerson, Danilo e Romarinho (Edenilson); Guerrero (Pato)
Treinador: Tite

SANTOS: Rafael; Bruno Peres, Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Renê Júnior, Marcos Assunção (Felipe Anderson) e Cícero; Miralles (André) e Neymar
Treinador: Muricy Ramalho

Cartões amarelos

CORINTHIANS: Paulo André
SANTOS: Cícero e Léo

Árbitro
Wilson Luiz Seneme

Público e Renda

36.306 pessoas e R$ 1.497.642

Local
Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade