20 eventos ao vivo
Logo do Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians

Corinthians

Corinthians

Gil e “melhor torcida”: saiba por que Dudu quer Corinthians

Lucas Uebel/Grêmio FBPA / Divulgação
19 dez 2014
17h23
atualizado às 18h51
  • separator
  • comentários

Destaque do Grêmio na temporada 2014, Dudu era o nome mais disputado no Mercado da Bola para o próximo ano. Corinthians, São Paulo, Inter, Flamengo... Todos queriam contar com o futebol do jovem jogador, mas quem provavelmente levará a melhor é o alvinegro paulista que, além de fazer a proposta financeira mais vantajosa, ainda contou com um aliado no elenco: o zagueiro Gil, amigo do meia-atacante dos tempos de Cruzeiro.

<p>Dudu é rápido e habilidoso meia-atacante</p>
Dudu é rápido e habilidoso meia-atacante
Foto: Ricardo Rimoli / Lancepress!

Dudu e Gil, que chegou ao Corinthians no início de 2013 e já é uma das principais referências para a torcida, atuaram juntos entre 2009 e 2011 no time mineiro - na época, o defensor apareceu em 102 jogos com a camisa celeste, enquanto o rápido meia-atacante, então recém-promovido da base, participou de 68 partidas. A amizade foi mantida desde então e colheu frutos para o Corinthians, que conta com o "lobby" do zagueiro para ganhar um novo reforço. Quem confirma é o próprio Dudu, que falou com exclusividade ao Terra .

"Foi pela proposta deles (Corinthians) e também por ter o Gil lá. Sempre conversava com ele, ele falava que o pessoal estava olhando o meu futebol. Ele falou que é time de primeiro mundo. Ele tem uma grande parte nisso (escolha pelo Corinthians). Sou um grande amigo dele, fiz grande amizade com ele no Cruzeiro. É um cara excelente, considero como irmão", contou Dudu ao Terra.

No próximo domingo, representantes do Dínamo de Kiev, clube que detém os direitos sobre o jogador, desembarcam em São Paulo para fechar os últimos detalhes da "encaminhada" venda do atleta ainda antes do Natal. Dudu prefere não falar sobre valores e termos de contrato: deixa os empresários cuidarem disso, enquanto ele curte as férias.

A negociação com o Corinthians ainda não está assinada, mas o ex-gremista, que não ficou no time gaúcho para a próxima temporada em virtude da crise financeira do clube tricolor, já fala como corintiano. O sonho? Ver a famosa torcida alvinegra ao seu lado na Copa Libertadores da América.

<p>Dudu deverá fechar oficialmente com o Corinthians na próxima semana</p>
Dudu deverá fechar oficialmente com o Corinthians na próxima semana
Foto: Lucas Uebel / Getty Images

"É um sonho para qualquer um jogar lá, pela torcida e pela grandeza do clube. Se concretizar, eu vou ser o cara mais feliz do mundo. Estou muito animado, preparado. Joguei a Libertadores deste ano pelo Grêmio. Na América é o melhor campeonato que tem. E jogar pelo Corinthians, com uma torcida diferenciada, a melhor mesmo do Brasil...", comentou Dudu.

A negociação entre Corinthians e Dudu se arrastou pelas últimas semanas, mas deverá ter um desfecho positivo para o time paulista, que pode nem ter que ceder o jovem Malcom - o garoto de 17 anos interessava à equipe ucraniana. A Ucrânia foi o local de moradia do ex-cruzeirense por dois anos e meio, mas Dudu é reticente ao dizer que não tem "vontade nenhuma de voltar para lá".

Com Malcom no elenco, o meia-atacante vê a concorrência crescer por uma vaga no setor ofensivo. Dudu, Renato Augusto, Jadson, Lodeiro, Petros, Danilo, Luciano, Malcom, Guerrero, Ángel Romero, além do também recém-contratado Stiven Mendoza, colombiano que chega do futebol indiano, vão se digladiar para serem escolhidos por Tite, em um início de 2015 com Libertadores e Campeonato Paulista, que permite apenas 25 inscrições de jogadores de linha. Os "companheiros rivais" não dão medo em Dudu.

"Todo time grande tem concorrência, como eu tinha no Grêmio. Trabalhando forte você vai poder se sobressair", sintetizou. A parceria com Paolo Guerrero, que ainda negocia renovação de contrato, já é vislumbrada no horizonte. "Guerrero é um ídolo, um cara importante para o clube, fez o gol de um dos títulos mais importantes. Joguei contra ele, vi que é um grande jogador, dispensa comentários", afirmou Dudu.

Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade