0

Love tem Jadson como exemplo para se firmar na ausência de Guerrero

12 abr 2015
19h56
atualizado às 19h56
  • separator
  • 0
  • comentários

Vagner Love é o novo centroavante titular do Corinthians. Com o peruano Paolo Guerrero hospitalizado, o jogador revelado pelo Palmeiras enfrentará os argentinos do San Lorenzo na noite de quinta-feira e provavelmente o ex-clube no fim de semana. O que fez o técnico Tite uma antiga mudança na sua formação ideal planejada para 2015.

"Não tenho condições de projetar a equipe ainda. Mas é por isso que falo que eles devem sempre estar prontos. Vejo o Love preparado. Conversando com ele, peguei até o exemplo do Jadson, que entrou no time no ônibus", comentou Tite, que já utilizou Vagner Love na vitória por 1 a 0 sobre a Ponte Preta, no sábado, em Itaquera.

O técnico do Corinthians se referiu ao desconforto provocado pela venda do meia uruguaio Lodeiro para o Boca Juniors, da Argentina. Tite foi informado sobre a transação pouco antes da estreia no Campeonato Paulista e decidiu escalar Jadson já no caminho da delegação para Itaquera, onde o seu time faria 3 a 0 sobre o Marília com grande atuação do novo titular.A partir de então, Jadson ganhou elogios e confiança. A ponto de recusar uma rentável proposta da China, país onde Vagner Love jogava antes de acertar com o Corinthians, para permanecer na equipe chefiada por Tite.

A novidade no time titular do Corinthians agora é Love, que já deu uma assistência para o meia Renato Augusto marcar o gol da vitória sobre a Ponte. O centroavante seguirá na equipe contra o San Lorenzo, pela Copa Libertadores da América, e já começou a se animar para reencontrar o Palmeiras nas semifinais do Campeonato Paulista.

Tite só não espera ver em Vagner Love um novo Paolo Guerrero. "Vagner Love faz função de Vagner Love. Tem liberdade de bico a bico da área, pode sair nas costas do volante... Guerrero faz função de Guerrero. A área de ação e as características são diferentes", avisou Tite, projetando até uma boa parceria entre Love e Jadson em campo. "Existe uma liberdade de organização maior."

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade