1 evento ao vivo

Tite supera eliminação, estigma e enfim vence o Paulista

19 mai 2013
18h49
atualizado às 19h05
  • separator
  • 0
  • comentários

Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores, Mundial de Clubes e agora o Campeonato Paulista. Tite, neste domingo, superou o histórico de decepções no Estadual de São Paulo para enfim conquistá-lo. Na Vila Belmiro, o Corinthians segurou o Santos e, com o empate por 1 a 1, deu ao treinador o quarto título na segunda passagem pelo Parque São Jorge. De quebra, amenizou a decepção por ser eliminado da Copa Libertadores da América pelo Boca Juniors na última quarta. E após o apito final teve uma comemoração bastante efusiva.

<p>Técnico conquistou título que lhe faltava à frente do Corinthians</p>
Técnico conquistou título que lhe faltava à frente do Corinthians
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

Na Vila, o Corinthians de Tite chegou a correr riscos quando Cícero deixou o Santos em vantagem aos 27min da etapa inicial, mas contou rapidamente com o poder de decisão de Danilo, que já empatou aos 29min. O espírito coletivo corintiano prevaleceu para controlar bem o jogo, apesar de um ou outro susto, e houve chances de quebrar a sequência invicta de 17 jogos do Santos em casa. A boa performance do Corinthians na Vila Belmiro, de qualquer forma, ratificou a condição intocável de Tite no Parque São Jorge.

Se já possuia o Campeonato Gaúcho, a Copa do Brasil e a Copa Sul-Americana de trabalhos anteriores no futebol do Rio Grande do Sul, em São Paulo Tite agora já não tem mais o que conquistar pela primeira vez. Matou, de quebra, as contas pendentes com o Paulista. Em 2004, ainda no São Caetano, foi demitido no início do ano e viu o time levar a taça com Muricy Ramalho. Não foi a única decepção no Estadual.

Já pelo Corinthians, em sua primeira passagem em 2005, foi demitido depois de derrota contra o São Paulo. No retorno ao Parque São Jorge, foi vice-campeão estadual de 2011 diante do Santos na mesma Vila Belmiro onde se sagrou campeão neste domingo. Em 2012, liderou a primeira fase da competição, mas sofreu inesperada derrota nas quartas de final contra a Ponte Preta dentro do Pacaembu.

As decepções, enfim, acabaram para Tite no Campeonato Paulista. O treinador em melhor sequência no País mostrou que a eliminação frente ao Boca Juniors foi um acidente de percurso e o Corinthians, se mantida a base de jogadores para o segundo semestre, chega firme para tentar o sexto título da Série A do Campeonato Brasileiro.

Mérito de Tite, que depois de confirmado o título não se conteve: ignorou as tradicionais dores no joelho, correu em alta velocidade rumo à torcida e bateu no peito antes de se voltar ao grupo de jogadores para curtir o sabor de também vencer em São Paulo.

Com informações K.R.C. DE MELO & CIA. LTDA - ME

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade