0
Logo do CRB

CRB

CRB

Roberto Fonseca não suporta má fase e pede demissão do CRB

18 ago 2012
22h33

Com três derrotas seguidas nas últimas rodadas da Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico Roberto Fonseca não suportou a má fase do CRB na competição e pediu demissão após a goleada sofrida na última sexta-feira, diante do Guarani, por 4 a 0. Rumores davam conta de sua saída desde instantes após o jogo, mas a confirmação ocorreu apenas neste sábado, quando o treinador enfim se manifestou.

Marcão festeja o seu gol, que valeu a vitória por 1 a 0 do Atlético-PR sobre o agora vice-líder Criciúma, neste sábado, em Paranaguá (PR). Com o triunfo, o time de Curitiba foi a 29 pontos e se aproximou do G4, enquanto a equipe catarinense perdeu a ponta da tabela, que detinha há várias rodadas, permanecendo com 39 pontos após 18 rodadas
Marcão festeja o seu gol, que valeu a vitória por 1 a 0 do Atlético-PR sobre o agora vice-líder Criciúma, neste sábado, em Paranaguá (PR). Com o triunfo, o time de Curitiba foi a 29 pontos e se aproximou do G4, enquanto a equipe catarinense perdeu a ponta da tabela, que detinha há várias rodadas, permanecendo com 39 pontos após 18 rodadas
Foto: Heuler Andrey/Agif / Gazeta Press

» Qual a maior conquista amorosa de um jogador brasileiro?

"A gente sai de cabeça erguida pelo trabalho executado e estive me doando ao máximo a essa camisa importante do CRB", lamentou Roberto Fonseca, que ainda fez questão de elogiar a diretoria na expectativa de um comandante que dê vida nova ao clube alagoano. "A direção está de parabéns pelo profissionalismo. Espero que quem venha tenha ideias novas e dê seguimento a esse trabalho com o CRB".

A diretoria do time já se manifestou no sentido de não fazer reformas tão radicais na comissão técnica e contratar um profissional com o mesmo perfil de Roberto Fonseca, que foi comandante do CRB em 20 partidas, tendo encerrado sua participação com sete vitórias, quatro empates e nove derrotas, além do título do Campeonato Alagoano em que comandou apenas as partidas finais.

O CRB ocupa atualmente a 12ª colocação da Série B, com 21 pontos, sete à frente da zona de rebaixamento e preocupado com a má fase que pode aproximar a equipe da degola no primeiro ano de volta à segunda divisão. A última partida do time no primeiro turno será no próximo sábado, no Estádio Rei Pelé, diante do também alagoano ASA.

Até lá, a diretoria espera ter anunciado o novo comandante, sendo que as negociações ocorrem com mais de um nome, com Heriberto da Cunha, ex-ASA, e Marcelo Veiga, que recentemente pediu demissão do Bragantino, como favoritos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade