4 eventos ao vivo

Após "batalha" no Mineirão, cruzeirenses culpam 1º jogo por vice

19 mai 2013
19h31
atualizado às 19h32
  • separator
  • 0
  • comentários

Mesmo com a vitória do Cruzeiro, na tarde deste domingo, no Mineirão, por 2 a 1, o titulo ficou com o Atlético-MG. Para os jogadores celestes, o primeiro jogo, no Independência, na semana passada, que o clube alvinegro venceu por 3 a 0, foi o diferencial para definir o campeão estadual.

<p>Cruzeiro abriu 2 a 0 neste domingo, mas não conseguiu buscar o título</p>
Cruzeiro abriu 2 a 0 neste domingo, mas não conseguiu buscar o título
Foto: Ramon Bittencourt / Agência Lance

“O problema foi o primeiro jogo. Nós batalhamos, a torcida viu isso. Para nós o importante é nos mantermos em pé. Fomos melhores no primeiro tempo hoje, mas é difícil conseguir manter a mesma força o tempo todo”, explicou o volante Leandro Guerreiro.

Muito abatido, o zagueiro Paulão também afirmou que o primeiro jogo foi decisivo. “É complicado, sabíamos que seria difícil e que precisávamos do resultado. Vamos levantar a cabeça e continuar trabalhando. Temos que abraçar essa torcida porque eles ficaram ao nosso lado, fizeram a diferença e viram a nossa luta”, acrescentou.

O atacante Borges, por sua vez, preferiu vislumbrar o futuro e assegurou que o Cruzeiro está forte para buscar títulos ainda este ano. “Somos um time em evolução então não temos que nos desesperar. E garanto que vamos brigar por titulo esse ano”, afirmou.

Para o atacante, o momento é triste, mas os atletas azuis fizeram o possível. “Infelizmente é um momento complicado, sobra a tristeza para a gente, erramos muito na primeira partida e tivemos que lutar muito hoje. Fizemos de tudo e os torcedores perceberam isso”, finalizou Borges.

Fonte: Especial para Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade