0

Cruzeiro

Marcos Vinícius renova com Cruzeiro por quatro temporadas

Alexandre Schneider / Getty Images
3 dez 2015
18h01
atualizado às 18h15
  • separator
  • 0
  • comentários

Em meio a uma semana marcada pela provável saída do técnico Mano Menezes para o futebol chinês e pelas despedidas de quatro atletas – Leandro Damião, Charles, Ceará e Júlio Baptista –, que não terão os seus contratados renovados, o Cruzeiro garantiu a permanência de uma importante peça do elenco celeste. Trata-se do meia Marcos Vinícius, revelação do clube mineiro no ano, que, nesta quinta-feira, assinou por mais quatro temporadas com a Raposa.

O anúncio foi feito pelo vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Bruno Vicintin, que acionou o seu perfil pessoal no Twitter para confirmar a renovação contratual de Marcos Vinícius, que não escondeu a satisfação pela oportunidade de seguir vestindo a camisa celeste.

“Estou muito contente por tudo o que está acontecendo na minha vida, por ter chegado aqui no Cruzeiro e estar fazendo um bom trabalho. Fico feliz por isso e agora é dar sequência, porque tenho certeza que coisas ainda melhores estão por vir", disse o armador ao site oficial do clube.

Dos atletas que estavam em final de contrato com o clube, Marcos Vinícius era o único que tinha garantias de que iria permanecer no Cruzeiro, uma vez que já tinha um pré-contrato firmado junto à diretoria. O jogador teve, em abril, 50% de seus diretos econômicos adquiridos pela Raposa, contudo, o contrato que seguiu em vigência é o de empréstimo com o Náutico, que será prontamente substituído ao final da temporada.

Revelação cruzeirense – Marcos Vinícius chegou ao Cruzeiro, emprestado pelo Náutico, ainda em 2014 para integrar as categorias de base do clube celeste. O jovem armador foi promovido ao elenco profissional na atual temporada, e com Marcelo Oliveira, seu primeiro técnico na Raposa, Marcos Vinícius jogou pouco, apenas três vezes – uma partida como titular e outras duas como reserva -, no entanto, o bom desempenho fez com que o treinador sugerisse a compra do meia, o que acabou acontecendo em abril.

Com a saída de Marcelo Oliveira e a chegada de Vanderlei Luxemburgo, Marcos Vinícius passou a ganhar mais tempo de jogo, alternando entre o time titular e o banco de reservas. A afirmação do armador, contudo, veio apenas com seu terceiro treinador no Cruzeiro, Mano Menezes, que, logo garantiu ao jovem meia o posto de 12º jogador da equipe.

As boas exibições de Marcos Vinícius, porém, fizeram o armador ganhar a confiança de Mano Menezes, que escalou o jogador como titular em cinco das últimas seis partidas do Cruzeiro na temporada. Próximo de completar 21 anos, ao final de dezembro, o meia já possui 22 partidas pelo elenco profissional da Raposa, com três gols marcados.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade