0

Diego Costa diz ter perdido medo após contusões em sequência

7 jun 2014
23h11
atualizado em 8/6/2014 às 00h00
  • separator
  • 0
  • comentários

Diego Costa reconheceu após disputar 73 minutos do amistoso da Espanha contra El Salvador, vencido por 2 a 0, que teve boas sensações e "perdeu o medo" que tinha de duas lesões musculares consecutivas com o Atlético de Madrid.

<p>Diego Costa foi titular em amistoso e quase marcou gol</p>
Diego Costa foi titular em amistoso e quase marcou gol
Foto: AFP

"Estava muito bem", declarou o brasileiro. "Tinha que me testar e forçar e, ou me lesionava ou podia ir para a Copa e as sensações foram muito boas. Até hoje estava com medo mas o perdi", acrescentou.

Antes o jogador passou pela zona mista onde admitiu que "pode ser" que saia para o Chelsea e deixe o Atlético de Madrid, mas se mostrou centrado em disputar sua primeira Copa.

"Espero jogar da melhor forma possível o Mundial. É meu objetivo. Cada vez melhoro mais a compenetração com os companheiros sobre o campo. A verdade é que a semana foi muito boa. Estou a cada dia melhor nos treinamentos e o importante era testar na partida", explicou.

"A lesão havia e sempre fica a dúvida que possa reaparecer. Eu estou bem, mas posso me machucar. Ainda tinha na cabeça a lesão", acrescentou.

Diego Costa tenta não pensar na recepção que vai ter no Brasil após decidir jogar com a seleção espanhola e se centra no âmbito esportivo.

"A recepção dependerá da maneira como o povo interpretou as coisas. Eu estou muito à vontade. Quando chegar lá veremos como será mas, seja como for, será um prazer jogar um Mundial com a Espanha no Brasil", concluiu.

EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade