0

Jornal: declarações de Xabi Alonso racham vestiário espanhol

20 jun 2014
09h19
atualizado às 09h24
  • separator
  • 0
  • comentários

“Não soubemos manter a fome, a ambição. Mentalmente não estávamos preparados e fisicamente estávamos no limite”. As declarações de Xabi Alonso após a eliminação da Espanha na Copa do Mundo foram uma exceção às de astros como Andrés Iniesta, Xavi Hernández e Diego Costa, que optaram por ressaltar a qualidade dos atuais campeões mundiais mesmo após o 2 a 0 sofrido contra o Chile, no Maracanã. De acordo com reportagem publicada nesta sexta-feira pelo jornal Marca, isto explicita que o vestiário da seleção espanhola “rachou”. Não fala mais a mesma língua.

Jornal Marca diz que Xabi Alonso dificilmente voltará a jogar pela seleção espanhola
Jornal Marca diz que Xabi Alonso dificilmente voltará a jogar pela seleção espanhola
Foto: Reprodução

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Segundo a publicação, as contundentes frases disparadas pelo volante do Real Madrid na zona mista do Estádio do Maracanã não repercutiram bem dentro do elenco comandado por Vicente Del Bosque. “O que se entende é que Xabi Alonso deveria deixar claro que estava falando por ele, e não pelo grupo”, diz o diário. “Muitos jogadores têm a consciência de que fracassaram e que se deve fazer uma análise da eliminação, mas insistem que em nenhum momento faltou fome e ambição”, acrescenta.

Assim, de acordo com o Marca, grande parte do elenco espanhol classificou como “falsas” as frases de Xabi Alonso. Os primeiros que responderam foram Iniesta e Diego Costa, ainda no Maracanã. O meia do Barcelona negou que o problema estivesse relacionado com uma possível falta de vontade e tentou explicar a derrota pelo viés futebolístico. Já o atacante do Atlético de Madrid, recém-chegado à seleção, foi mais duro. “Não estou de acordo com essas palavras (de Xabi Alonso). Aqui, todos pensavam em ganhar”, declarou.

Por outro lado, também houve quem saísse em defesa de Xabi Alonso. Mesmo sem ter sido convocado para o Mundial, Álvaro Arbeloa, lateral direito do Real Madrid e campeão da Copa do Mundo de 2010 e das duas últimas edições da Eurocopa com a seleção espanhola, usou as redes sociais para elogiar a coragem do companheiro de clube e cutucar outros jogadores. “Meu respeito e admiração por todos aqueles que preferem justificar os erros dizendo a verdade ao invés de falar mentiras”.

O jornal encerra a reportagem relembrando que Xabi Alonso teve atuação desastrosa diante do Chile - tento perdido a bola que originou o primeiro gol, de Vargas, e cometido a falta que resultou no segundo tento, anotado por Aránguiz - e que ele já não vinha fazendo boa temporada pelo Real Madrid. No fim, ressalta que o volante ocupou a vaga de um atleta que poderia jogar com mais “gana e fome” na Copa do Mundo e opina que o jogador de 32 anos dificilmente terá outra oportunidade de vestir a camisa da seleção nacional. 

Veja os gols em 3D da Copa Veja os gols em 3D da Copa

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade