0

Em coletiva, Mayweather afirma ser 'o melhor' após acusação de doping

10 set 2015
08h32
  • separator
  • comentários

Floyd Mayweather fará sua última luta da carreira no próximo sábado, quando enfrentará Andre Berto pela disputa do título mundial de boxe. Entretanto, o que anda causando alvoroço na imprensa é seu suposto envolvimento com doping na luta contra Many Pacquiao. Na madrugada desta quinta-feira foi divulgado o uso de 250 mililitros de salina e multivitaminas e 500 mililitros de salina e vitamina C injetados pelo lutador, quantidade acima do limite permitido pela Agência Mundial Antidoping (WADA).

Antes do caso envolvendo doping, o boxeador comentou sobre sua última luta da carreira em coletiva de imprensa. Mayweather ressaltou que após bater Manny Pacquiao era direito dele escolher o oponente, o que foi concretizado. Sabendo que terá uma luta difícil a ser disputada, o boxeador comentou também sobre sua preparação para o duelo.

“Quem quer que seja, eu escolho após vencer Manny Pacquiao, a imprensa sempre terá algo a dizer. Amir Khan? Vocês comentam sobre Berto ter perdido três de suas últimas seis lutas, mas Khan também perdeu três vezes e Andre (Berto), como ele, é bicampeão mundial”, afirmou o lutador.

Como de costume, Mayweather não poderia deixar sua marra de lado. Confiante, o lutador acredita que independente do que acontecer no próximo sábado ele ainda será o melhor lutador do boxe mundial: “Meu sonho sempre foi ser o melhor. Não importa o que aconteça na noite de sábado, quando se trata de boxe eu sempre serei o melhor”.

Apesar de afirmar ser o melhor e se considerar ‘imbatível’, Mayweather destacou que nunca subestimou nenhum oponente e que a luta do próximo sábado exige que ele dê o máximo nos treinamentos: “Nunca subestimei um oponente. Eu tenho certeza que não fiz isso com Berto. Se eu tenho dado o máximo de mim nos treinamentos para esta luta? Absolutamente. Eu espero uma luta difícil”.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade