3 eventos ao vivo

Cielo é bicampeão mundial nos 50m borboleta; Nicholas é o quarto

29 jul 2013
14h05
atualizado às 15h37

Atual campeão dos 50m borboleta, Cesar Cielo confirmou o favoritismo e garantiu a primeira medalha de ouro do Brasil na natação do Mundial de Esportes Aquáticos de Barcelona.

Com o tempo de 23s01, o brasileiro superou o norte-americano Eugene Godsoe por apenas 0s04 para ficar com seu segundo título na modalidade. O francês Frederick Bousquet completou o pódio, com 23s11.

Outro representante nacional na prova, Nicholas Santos largou muito bem e liderou os primeiros 25m. No entanto, ele perdeu fôlego na parte final e completou a segunda metade em 23s15, ficando apenas com a quarta colocação. Já o campeão olímpico Florent Manadou foi o oitavo.A conquista apaga o frutrante desempenho de Cielo nos 50m borboleta dos Jogos Olímpicos de Londres-2012, quando chegou como favorito e acabou na terceira colocação. "A gente fica imaginando as coisas na cabeça antes da prova. Eu brinquei comigo mesmo pensando no que faria se ganhasse. Ao mesmo tempo, pensei no que faria se ficasse em quinto ou sexto. A gente fica nervoso, imagina a prova, ficamos ansiosos. Somos seres humanos", relata Cielo ao canal Sportv.

O ouro desta segunda é o quinto de Cielo em Mundiais, a segunda consecutiva nos 50m borboleta. Ele também é o atual bicampeão dos 50m livre e subiu ao lugar mais alto do pódio nos 100m livre na edição de Roma-2009. Já Nicholas segue sem conquistar uma medalha na competição.

"Quando era menino, não imaginava que fosse chegar aqui. Devo tudo à minha família, aos meus amigos e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Nesse ano, tive pessoas que acreditaram no meu potencial e bancaram a minha ideia. Não tem segredo, o ouro está aí. Começamos o ciclo para 2016 com o pé direito", comemora o bicampeão.

Esta foi a sétima conquista do Brasil em Barcelona. Nesta segunda, Felipe Lima já havia garantido o primeiro pódio do país na natação. Antes disso, os atletas da maratona aquática deram show e conquistaram um ouro, duas pratas e dois bronzes.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade