0

Cielo e Pereira vão nadar em Londres com roupa de fibra de carbono

23 abr 2012
14h38
atualizado às 15h08
  • separator
André Naddeo
Direto do Rio de Janeiro

Tecnologia inédita na história da natação em prol da natação brasileira. Com bermudas feitas a partir de fibras de carbono, Cesar Cielo e Thiago Pereira vão tentar provar por que são as principais esperanças de medalha da natação brasileira nos Jogos Olímpicos de Londres, em julho e agosto. Os dois nadadores participaram de evento em um hotel na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, para o lançamento dos maiôs.

» Veja quais são os brasileiros classificados para Londres

"A gente vem evoluindo desde 2010 para cá, com certeza esse é o melhor maiô que eu já usei. Vamos tentar colocar em prática para o Maria Lenk para conseguir também o melhor tempo", afirmou Cesar Cielo, sobre a competição que tem início nesta terça-feira, também no Rio, que será decisiva para avaliar a equipe brasileira que irá aos Jogos.

De acordo com a fabricante do traje dos nadadores brasileiros, as fibras de carbono proporcionam maior durabilidade e resistência, além de serem mais confortáveis. Tiras elásticas desenvolvidas na região dos glúteos e pernas proporcionam força extra para o momento das saídas e viradas na piscina.

"Ficamos sete dias em Milão, na Itália, desenvolvendo o primeiro protótipo. Depois disso fizemos algumas alterações", explicou Cielo. A roupa desenvolvida aparece após o advento dos trajes tecnológicos, que no mundial de Roma, em 2009, foram extremamente importantes na quebra de nada menos do que 43 recordes mundiais. Após este episódio, a Federação Internacional de Natação (Fina) proibiu os maiôs de corpo inteiro.

Londres 2012 no Terra

O Terra, maior empresa de internet da América Latina, transmitirá ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres, que serão realizados entre os dias 27 de julho e 12 de agosto de 2012. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas, a cobertura contará com textos, vídeos, fotos, debates, participação do internauta e repercussão nas redes sociais.

Atleta levanta 480 kg e dedica ouro olímpico à mulher
Fonte: Terra
publicidade